Coluna

Ricardo Feltrin

TV Record entra em 2017 sob boicote e na "lista negra" de estrelas da MPB

Shodo Yassunaga/Divulgação
Ivete Sangalo é uma das artistas que colocou a Record na "lista negra" Imagem: Shodo Yassunaga/Divulgação
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

22/12/2016 09h56

A Record entra em um novo ano lidando com um duro processo de negociação para voltar a ter a presença de muitos artistas famosos em seus programas.

Depois de entrar na  lista negra por causa de algumas reportagens ou notas, a emissora há mais de um ano tenta se reaproximar de ícones da MPB, conforme esta coluna informou no ano passado. Para isso chegou a fazer uso inclusive de reportagens “positivas” (ou chapa-branca) em seus programas.

Mesmo assim várias estrelas da música se afastaram da emissora nos últimos meses. Não por coincidência, a maioria já tem emprego fixo nas empresas do Grupo Globo.

É o caso de Luan Santana, Ivete Sangalo, Claudia Leitte, Thiaguinho e Lulu Santos, entre outros.

Este último, por exemplo, sempre repete a amigos que o único programa da Record que aceita se apresentar é o “Legendários”, de Marcos Mion, com quem ele tem fortes e antigas relações de amizade.

Do ponto de vista comercial, vale dizer, é estranho que artistas estejam abrindo mão de divulgar seus trabalhos --e obviamente ganhando mídia-- em uma das maiores emissoras abertas do país devido a questões menores.

Luan Santana, como todos sabem, rompeu qualquer contato com a emissora meses atrás, por causa de uma nota na coluna “Hora da Venenosa”, no “Balanço Geral”; segundo o artista, a nota insinuava que ele seria gay.

Ivete Sangalo, por sua vez, que já é contratada da Globo há anos, “rompeu relações definitivamente” com a Record meses atrás por causa de uma matéria que contava a história de sua briga com seu irmão Jesus -- afastado da empresa da cantora por supostas irregularidades.

Ao seu círculo, Ivete se disse revoltada com a reportagem, que classificou de “sensacionalista e baixa”. Já teria avisado inclusive que não irá mais nem sequer a programas de sua “comadre” Xuxa.

Claudia Leitte, jurada de reality show musical da Globo, também passou 2016 driblando boa parte dos convites da Record (com raras exceções, como, por exemplo, ao “Legendários” e ao “Programa da Sabrina”).

O sambista Thiaguinho até aceitou uns poucos convites da Record este ano (foi ao programa  “Xuxa” e ao “Legendários”), mas fugiu da maioria.

Thiaguinho é hoje um contratado e figurinha carimbada da Globosat (onde sua esposa, Fernanda Souza, tem um programa também).

O mesmo vale para o “anti-Record” Luan Santana, que também apresentará uma atração no canal Multishow em 2017, assim como Anitta --já contratada-- e única que ainda mantém relação cordial com a emissora da Barra Funda.

twitter - @feltrinoficial

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Topo