Coluna

Ricardo Feltrin

Globo exibe documentário sobre igreja evangélica e ganha elogios nas redes

Divulgação
Cena de "Let Hope Rise", documentário sobre a história da Igreja Hillsong, congregação nascida na Austrália Imagem: Divulgação
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

02/01/2017 10h44Atualizada em 02/01/2017 13h11

Numa escolha no mínimo fora dos padrões, a TV Globo exibiu nesta madrugada o documentário “Hillsong: Uma Canção de Fé”. O filme, lançado poucos meses atrás, conta a história da Hillsong, igreja nascida na Austrália nos anos 80 e que acaba de criar sua primeira unidade no Brasil (São Paulo).

A exibição causou surpresa e certo furor nas redes sociais, e chegou a ser o assunto mais comentado do twitter. O mais incrível, porém, era que praticamente todos os tweets eram de profusos elogios à Globo e sua escolha.

“Você começa a perceber que 2017 vai ser incrível quando a Globo começa a transmitir um documentário da Hillsong”, postou a internata Lizandra Monteiro com a hashtag #HillsonNaGlobo

Segundo dados prévios de audiência, o filme marcou 5,8 pontos de média na Grande SP (cada ponto equivale agora a 70,5 mil domicílios sintonizados).

“Que lindo é ver a palavra de Deus sendo falada na Globo!! Globooo!! 2017 já me parece um ano melhor só por isso”, escreveu Laís Valente.

De queixas contra a emissora, só mesmo a edição: “Pena que teve cortes! Aí, @RedeGlobo exibe completo da próxima vez”, protestou Gabriel Souza.

O FILME

“Let Hope Rise” (nome original) foi exibido na Sessão de Gala da Globo. Lançado no ano passado, produzido por norte-americanos, o documentário conta como uma pequena igreja que decidiu montar uma banda autoral de música gospel e contemporânea alcançou o mundo.

Com o tempo, a igreja passou a criar e gerir novas bandas, enquanto se espalhava pelos continentes. Acabou virando também um fenômeno fonográfico que já vendeu dezenas de milhões de CDs e DVDs.

Com um grande trabalho social realizado nos países em que se instala, a Hillsong Church hoje é considerada uma das igrejas mais influentes do mundo, com grande atração de fiéis jovens.

Entre as celebridades que frequentam seus templos está Justin Bieber. O cantor se converteu após um período turbulento na vida pessoal.

A primeira congregação no Brasil foi aberta no ano passado. A Hillsong São Paulo se reúne aos domingos no espaço Audio, na Barra Funda.

Veja o especial de Religiões UOL TAB

twitter - @feltrinoficial

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Topo