Coluna

Ricardo Feltrin

Patrícia Poeta substitui Cléo Pires e vira garota-propaganda de chinelo

Divulgação/Hick Duarte
Patricia Poeta no lançamento de uma marca de produtos para cabelo; agora vai estrelar comercial da Havaianas Imagem: Divulgação/Hick Duarte
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

05/02/2017 10h10

A jornalista e apresentadora Patrícia Poeta vai estrear em seu primeiro comercial solo em rede nacional nas próximas semanas.

A co-apresentadora do “É de Casa”, da Globo, substituirá Cléo Pires no posto de musa dos chinelos e sandálias Havaianas

Assim como nos comerciais anteriores, Patrícia deverá interpretar a si mesma na peça publicitária.

Segundo a revista “Veja”, o cachê da apresentadora e jornalista será de R$ 300 mil.

Gaúcha de São Jerônimo, Patrícia Poeta Pfingstag Soares, 40 anos, já havia feito um comercial em 2015, que ficou praticamente restrito à internet.

À época, fontes do mercado estimaram que seu cachê poderia ter chegado até a R$ 1,5 milhão, cinco vez mais que o atual.

O motivo do elevado valor teria relação com  o fato de Patrícia nunca ter estrelado outro comercial. Meses antes ela havia sido “saída” da bancada do “Jornal Nacional”.

A saída ao menos trouxe uma vantagem lucrativa: como jornalista era proibida de fazer merchans ou comerciais. Agora está liberada.

O comercial com os chinelos começou a ser gravado na semana passada, em Copacabana.

Mas a publicidade não é o principal interesse da jornalista. O sonho de Patrícia é fazer um programa solo na Globo, voltado para preservação de natureza e turismo, entre outras coisas.

Porém, seu projeto está engavetado, conforme esta coluna informou com exclusividade em outubro de 2015.

@feltrinoficial

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Topo