Coluna

Ricardo Feltrin

"Brasil não tem tradição na criação de game show", diz Marcelo de Carvalho

Marcos Ribas/Brazil News
Marcelo de Carvalho é o apresentador de "O Céu É o Limite", que estreia no próximo sábado Imagem: Marcos Ribas/Brazil News
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

07/03/2017 06h02Atualizada em 08/03/2017 13h43

O vice-presidente e apresentador da RedeTV!, Marcelo de Carvalho, disse ontem que a decisão de “ressuscitar” o game show “O Céu é o Limite” partiu de seu próprio interesse, e que ele, pessoalmente, foi à Itália para negociar o formato para a emissora.

“Quem foi atrás do programa, e também do “Mega Senha”, fomos nós, porque se dependesse de produtoras aqui no Brasil não teríamos game show nenhum”, afirmou o executivo (e engenheiro químico).

“Posso garantir que nos últimos cinco anos nenhuma produtora ou ninguém jamais veio até o setor de aquisições da RedeTV! oferecer  um game show. E não é por falta de interesse. É simplesmente porque o Brasil não tem nenhuma tradição nesse tipo de atração”, disse Carvalho ao UOL.

Ele respondia a um questionamento de o porquê sua emissora investir num formato que já tem cerca de 60 anos.

"Esse programa é sucesso em toda a Europa. Também já foi sucesso no Brasil e não há motivo para não fazer sucesso novamente."

O vice-presidente e sócio da RedeTV! discorda de que seria possível à própria emissora criar um game show semelhante ao “O Céu é o Limite” que, no fim das contas, não passa de um jogo de perguntas e respostas.

“Pode parecer que não, mas tem muita tecnologia envolvida --desde o formato até o cenário. Não existe esse know-how no Brasil”, declara. “O que é uma pena.”

“O Céu é o Limite” estreia no próximo sábado. O outro game show apresentado por Carvalho, "Mega Senha", continuará a ser exibido também.

twitter: @feltrinoficial
Facebook: Ooops - Feltrino

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Topo