Topo

TV e Famosos

Coluna

Ricardo Feltrin

Reality de Xuxa estreia na segunda com o maior cenário já feito no país

Xuxa posa com Sergio Marone, repórter do "Dancing Brasil", e as 14 duplas participantes do reality Imagem: Anderson Borde/AgNews
Ricardo Feltrin

Colunista do UOL

29/03/2017 08h14Atualizada em 29/03/2017 13h07

A Record apresentou ontem no Rio os participantes e o cenário do reality de dança “Dancing Brasil”, que será comandado por Xuxa e estreia na próxima semana.

Localizado em um imenso prédio nos antigos estúdios RecNov, no Rio, o local já é tratado pela emissora como o maior e provavelmente mais caro cenário para um único programa já construído no Brasil (programa do gênero, claro, não comparando a uma casa do "BBB17", por exemplo).

De fato, as instalações superam em muito cenários como  de Fausto Silva, Luciano Huck ou de qualquer outro programa da TV aberta ou fechada.

São milhares de metros quadrados que envolvem um cenário construído em 360 graus e com três andares. Há capacidade para uma plateia de plateia de 400 pessoas; também há câmeras e iluminação de última geração.

A apresentação dos candidatos pode começar em qualquer lugar no palco”, disse o diretor Rodrigo Carelli. “A Xuxa também poderá dançar onde quiser”, brincou.

No programa, Xuxa terá como "auxiliar" o ator Sergio Marone, em seu segundo trabalho na emissora como apresentador (o primeiro foi a cobertura de férias de César Filho no "Hoje em Dia").

CENÁRIO NABABESCO

Segundo fontes da produção, a construção de um estúdio semelhante ficaria no mínimo em torno de R$ 1,3 milhão.

O “Dancing Brasil” estreia na segunda-feira e a competição vai durar 13 semanas. O casal campeão vai levar R$ 500 mil brutos (terão de pagar 27,5% de Imposto de Renda, porém).

O reality portanto termina no final de junho ou início de julho. Ainda não foi definido que programa Xuxa fará no próximo semestre, na Record.

Facebook e twitter: @feltrinoficial