Coluna

Ricardo Feltrin

Patrícia Abravanel vive dias turbulentos e enfrenta seu maior desafio na TV

Rafael Cusato/SBT
Patrícia Abravanel no "bMáquina da Fama"; ela agora também vai substituir Eliana, aos domingos Imagem: Rafael Cusato/SBT
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

24/05/2017 15h10Atualizada em 25/05/2017 12h59

Os últimos tempos só não foram os mais agitados na vida de Patrícia Abravanel porque, infelizmente, ela já viveu dias bem mais graves. Como em agosto de 2001, quando foi sequestrada em São Paulo e, após ser libertada, ganhou fama nacional.

Tirando isso, nas últimas quatro semanas a vida da filha nº 4 de Silvio Santos virou de ponta-cabeça; agora ela está prestes a enfrentar o maior desafio de sua carreira como apresentadora. Mas vamos por partes...

Em 29 de abril Patrícia, 39 anos, finalmente se casou com o deputado federal Fabio Faria (PSD-RN), com quem tem um filho e já mora desde 2013.

O casamento foi antecipado em rede nacional por seu pai, e sem seu conhecimento.

Na semana passada, a apresentadora do “Máquina da Fama” retornou ao noticiário, desta vez político.

Teve seu nome citado pelo delator Ricardo Saud, da JBS, que afirmou que ela esteve com o marido num jantar de arrecadação de fundos para a campanha do sogro (governador do RN).

Patrícia não aceitou as críticas e rebateu os ataques que sofreu nas redes com uma citação bíblica.

Anteontem, mais uma vez seu nome voltou à baila, mas desta vez para “apagar” um incêndio.

Conforme esta coluna antecipou, ela foi chamada às pressas para substituir Eliana aos domingos. Motivo: a loira teve problemas na 21ª semana de gravidez (descolamento de placenta) e foi retirada do ar por determinação médica. E sem previsão de retorno.

De todos os fatos acima citados, este é, de longe, o mais desafiador que Patrícia Abravanel irá enfrentar profissionalmente.

Todos os olhos e expectativas estarão sobre ela; afinal, a despeito de já ser uma experiente e até  premiada, substituir Eliana será seu maior teste como apresentadora: não é fácil ficar à frente por quatro horas num programa em rede, e no dia e horário mais valiosos e disputados da TV brasileira.

Ok, ela já teve uma experiÊncia: em 2011, quando da primeira gravidez de Eliana, ela foi substituta por um domingo. Dessa vez, porém, não há prazo.

Patrícia disse certa vez que sua maior felicidade era vencer Xuxa no ibope.

Tem outra pedreira pela frente, pois agora precisará enfrentar Rodrigo Faro.

E ainda por cima vai fazer jornada dupla, pois o “Máquina da Fama” continuará normalmente, segundo o SBT informou à coluna nesta quarta-feira.

@feltrinoficial

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Topo