Coluna

Ricardo Feltrin

"É como correr uma maratona", diz Patrícia sobre programa aos domingos

Reprodução/SBT
Patricia Abravanel estreia aos domingos no lugar de Eliana, afastada por ordem médica Imagem: Reprodução/SBT
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

06/06/2017 07h02Atualizada em 06/06/2017 10h02

Patrícia Abravanel não fez feio em audiência no último domingo, o primeiro em que substituiu Eliana --afastada por razões médicas.

Com a filha nº 4 de Silvio à frente, a atração marcou 6,7 pontos, que é o mesmo patamar obtido nas semanas anteriores.

Sim, ela ficou em terceiro em audiência, atrás da “Hora do Faro” (10,1 pontos), e com a Globo em primeiro na casa dos 20 pontos (com filme, futebol e um pedaço do "Domingão do Faustão").

Todos os dados são consolidados, medidos pela Kantar Ibope na Grande SP, onde cada ponto equivale a 70,5 mil domicílios..

“É um desafio bom. No domingo só tem atleta de elite competindo, e eu estou cobrindo a Eliana, que bate um bolão”, diz modesta.

Para Patrícia, 39 anos, fazer um programa com quatro horas de duração é mais ou menos como uma prova de resistência.

“É como correr uma maratona, e sem poder perder o fôlego. Mas, correr  também dá aquela sensação boa no nosso corpo, não é?”

Sobre a mudança de formatos, ela acredita que o domingo é bem mais difícil pelo volume de trabalho.

“‘O Máquina da Fama’ é mais focado nos grandes espetáculos. Mesmo que a gente tenha evoluído bastante, com quadros novos e convidados, tudo gira em torno da temática dos musicais. Já no programa de domingo passamos por vários formatos e estilos; são vários programas em um.”

Ela afirma que não ficou nervosa com a estreia por um motivo: “Não deu tempo. Me avisaram de um dia para o outro.”

Não há previsão para a volta de Eliana, que está internada após ter sofrido complicações na gravidez (ela está entrando na 23ª semana). Até lá, Patrícia fará jornada dupla aos domingos, e segundas, com o “Máquina da Fama”.

@feltrinoficial

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Topo