Coluna

Ricardo Feltrin

Para maioria do elenco, fim do "Pânico" será um "pesadelo profissional"

Divulgação
Lucas Selfie e Fernanda Lacerda, a Mendigata, que atuaram no "Pânico na Band" Imagem: Divulgação
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

01/11/2017 06h03

Para mais de 50 pessoas que integram a equipe do “Pânico na Band”, o iminente fim do programa é um verdadeiro pesadelo profissional.

Para Tutinha, Emílio e uma pequena parte dos humoristas, como Carioca, não há preocupações financeiras. No caso dos dois primeiros, porque já são milionários.

No caso de Márvio Lúcio, porque é um artista talentoso, um dos maiores humoristas brasileiros, e que já tem carreira estabilizada e próspera fora da TV.

Mas para dezenas de funcionários básicos, como redatores, editores, humoristas iniciantes e mesmo as modelos panicats, o fim do programa é crítico:

Quase todos vão ficar desempregados por um bom tempo, já que quase todas as TVs abertas e fechadas estão promovendo cortes de gastos e de pessoal justamente nos últimos meses;
no caso dos artistas eles também perderão algo tão valioso quanto o salário: visibilidade e os eventuais ganhos adicionais que ela permite.

A coluna conversou em off com alguns funcionários e todos são unânimes em dizer que o clima atrás das câmeras é de muita tristeza e insegurança.

Ainda assim, dizem estar prontos para levar o programa adiante com profissionalismo até o último dia.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Ricardo Feltrin
Topo