Topo

Coluna

Ricardo Feltrin

Playboy TV estreia série dirigida por pioneira do chamado "pornô feminista"

Divulgação/Playboy
Cena de episódio da série "X Confessions", do canal Playboy, que estreia em julho (2018) Imagem: Divulgação/Playboy
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

26/06/2018 07h02

A Playboy TV, canal adulto por assinatura (ou compra por PayPerView e streaming), estreia em julho sua primeira série pornô baseada em fatos reais.

A primeira temporada da série "X Confessions" terá oito episódios, e a maioria deles é dirigida por Erika Lust.

Trata-se de uma das principais diretoras do cinema adulto, e considerada a pioneira do chamado "pornô feminista".

O primeiro episódio estreia em 3 de julho para os assinantes. Os demais também serão exibidos sempre às terças.

Nos últimos meses, Erika Lust tem coletado histórias picantes e relatos de fantasias sexuais realizadas em seu site ( https://erikalust.com ).

Com a devida autorização, e sem identificar os autores, a diretora vem publicando relatos reais de pessoas comuns no site. As melhores histórias ela está transformando em filmes,.

Sua direção, segundo o canal, “tem detalhes delicados e agressivos, destacando que o desejo não tem limites e surpreendendo o telespectador com cenas sexys desde o primeiro minuto”.

Nascida em Estocolmo, Suécia, Lust é famosa pela fotografia apurada, escolha criteriosa de elenco e, principalmente, pela quebra de padrões e estereótipos desse segmento cinematográfico.

Um exemplo disso é que a diretora se preocupa com o olhar e os desejos femininos. Normalmente os filmes pornôs heterossexuais são dedicados quase que exclusivamente ao público masculino.

A partir de setembro, a Playboy vai colocar um especial com cerca de uma hora de duração disponível para não assinantes do canal, que poderão adquiri-lo por meio do serviço de streaming das operadoras.

Colunista no Twitter, no Facebook ou no site Ooops

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!