Topo

Coluna

Ricardo Feltrin

SBT fecha julho com a maior audiência dos últimos 13 anos em São Paulo

Manuela Scarpa/Brazil News
Iris Abravanel, autora de "As Aventuras de Poliana", e Larissa Manoela; novela "bomba" ibope do SBT à noite Imagem: Manuela Scarpa/Brazil News
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

02/08/2018 06h48

No mês passado o SBT fechou com média de 6,8 pontos nas 24 horas do dia, segundo dados consolidados da Kantar Ibope Media.

Foi o maior índice registrado desde outubro de 2005 --um recorde dos últimos 153 meses, portanto.

Durante o mês passado, na Grande São Paulo, a emissora de Silvio Santos atingiu por pelo menos um minuto cerca de 16,4 milhões de telespectadores na região.

Cada ponto em SP vale por cerca de 72 mil domicílios sintonizados.

A Globo segue líder, com 13,8 pontos de média. A Record completou 16 meses consecutivos em SP em terceiro lugar nas 24 horas, com 5,2 pontos.

EM TODAS AS FAIXAS HORÁRIAS

Além do segundo lugar isolado nessa medição, o SBT também garantiu a vice-liderança em todas as faixas horárias isoladamente.

Das 6h às 12h, por exemplo, marcou 5,2 pontos (maior índice desde setembro de 2008). A Record veio em terceiro com 3,8 pontos; e a Globo ficou em primeiro com 8,8 pontos.
 
O SBT também foi vice na faixa das 12h às 18h, com 7,2 pontos contra 6,9 da Record (Globo marcou 16).

No horário nobre, faixa mais valiosa da TV, o SBT também foi segundo lugar com 10,2 pontos, contra 9 da Record (Globo lidera de longe com 24,3 pontos).

Por fim, na madrugada, a TV de Silvio Santos fechou julho com 4,7 pontos, muito perto da Globo (6,1 pontos) e bem longe da Record (1,3 ponto).

Siga o colunista no Twitter, no Facebook ou no site Ooops