Topo

Coluna

Ricardo Feltrin

Geraldo Alckmin comete gafe e chama mulher de Luciano Huck de "Eliana"

Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

07/08/2018 20h47

Candidato à presidência da República pelo PSDB, Geraldo Alckmin cometeu gafe ao chamar a apresentadora Angélica de Eliana, durante evento mediado por Luciano Huck, nesta terça-feira (7), em São Paulo. 

O presidenciável iniciou a sabatina dizendo. "Primeiro, eu queria cumprimentar a você, Luciano [Huck], a todos e a todas, e saudar a Eliana", disse ele olhando para Angélica,  sentada na primeira fileira da plateia.

Após alguns segundos, Huck interrompeu a fala de Alckmin e logo o corrigiu. "Eu vou precisar fazer uma correção, vou precisar começar de novo. Posso te contar um segredo?", questionou o apresentador, que levantou e cochichou no ouvido do candidato. A plateia reagiu com gargalhadas.

A gafe aconteceu durante o GovTech Brasil, evento organizado pela ONG BrazilLAB e pelo Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio (ITS Rio), e que conta com palestrantes de dez países, entre eles, alguns presidenciáveis.

Para quem não se lembra, Luciano Huck e Eliana foram namorados em 1997, e o relacionamento durou dois anos. Já o namoro de Luciano Huck com Angélica foi assumido pela primeira vez somente seis anos depois, em 2003. Eles são pais de três filhos, Benício, Joaquim e Eva.

*Colaborou Gilvan Marques