Topo

Coluna

Ricardo Feltrin

TV paga perde ibope e quase 100 mil assinantes em 2 meses

iStock/Getty
Cerca de um em cada 4 assinantes levantou da frente da TV paga no último ano Imagem: iStock/Getty
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

07/09/2018 08h46

A TV por assinatura segue em queda livre tanto em audiência como em sua base de assinantes.

Dados de audiência mensurados pela Kantar Ibope Media (obtidos pela coluna por fontes) mostram que essa forma de mídia terminou agosto com 6,6 pontos de média na Grande São Paulo nas 24 horas do dia.

Isso representa uma perda de 26% (mais de um quarto) da audiência dos canais abertos somente no último ano. Em agosto do ano passado esse índice foi de 8,9 pontos.

Esses dados se referem apenas à audiência dos canais pagos (são excluídos todos os canais abertos).

A TV por assinatura nacional também continua a sofrer uma sangria de assinantes.

Somente entre junho e julho (último mês com dados disponíveis) ela perdeu mais de 91 mil assinantes no Brasil.

A TV paga fechou julho com 17,8 milhões de assinantes no país.

Quatro anos atrás ela tinha praticamente 20 milhões.

Motivos para o que está acontecendo não faltam e todos já foram citados aqui (não necessariamente nesta ordem): crise econômica e desemprego, a chegada da TV digital (que melhorou o sinal de quem assinava TV só por causa disso), Netflix e Internet….

Isso sem falar em itens como programação repetitiva, falta de novidades e excesso de intervalos na programação, que também exasperam e cansam os consumidores...

O negócio “TV por assinatura” está no centro de um grande momento de transformação tecnológica e de comportamento do consumidor, e cedo ou tarde precisará se reinventar.

LEIA MAIS

Casamento de apresentador faz reality bater recorde na TV paga

Simba oferece 1º canal pago às operadoras, mas quer cobrar "extra"

siga o colunista no Twitter, no Facebook ou no site Ooops