Topo

Coluna

Ricardo Feltrin

Saída de Porchat causa mágoa e "racha" opiniões na cúpula na Record

Reprodução/TV UOL
Fábio Porchat Imagem: Reprodução/TV UOL
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

09/10/2018 12h43

Parte da direção da RecordTV não digeriu nada bem o aviso e posterior anúncio de Fábio Porchat, de que deixará a emissora no final do ano.

Executivos da casa se sentiram traídos e revoltados com o “momento” escolhido pelo apresentador, já que davam como certa a continuidade do programa de entrevistas em 2019.

Record e Porchat vinham em negociação para eventuais mudanças na atração no próximo ano.

A emissora foi surpreendida, porém, quando, semanas atrás, o apresentador anunciou que exerceria uma cláusula que lhe dava o direito de encerrar o contrato atual sem ônus.

Segundo a coluna apurou, essa cláusula foi uma sugestão da própria Record, como uma forma de convencê-lo a renovar seu contrato anterior antecipadamente, conforme esta coluna revelou com exclusividade em agosto do ano passado.

O que mais magoou alguns diretores da Record foi que o aviso de cláusula por parte de Porchat vazou no mesmo dia em que Edir Macedo anunciou apoio público ao candidato a presidente Jair Bolsonaro (PSL): 30 de setembro.

Isso, dizem, “deu a entender” que ele tomou a decisão por não concordar com a escolha política do dono da emissora.

Na verdade isso foi uma coincidência (veja mais abaixo).

Outro ressentimento foi que a emissora jamais o cobrou por audiência e nem interferiu em suas pautas e convidados.

E também porque seu contrato era de extrema liberdade e lhe dava direito inclusive de trabalhar em outros canais pagos, inclusive os da Globosat.

Em contrapartida agora surgem rumores de que Porchat “se arrependeu” da decisão, e que quis voltar atrás e continuar a negociar. E que, agora, quem não o quer mais é a Record. .

No entanto há uma ala de diretores da Record que acha que Porchat é uma boa grife para a casa e que vale a pena mantê-lo. De qualquer forma há mágoas e arestas para aparar.

No próximo ano Porchat deverá ter um novo programa no canal GNT e está fazendo um seriado para o canal Comedy Central..

OUTRO LADO

Procurada, a Record não quis comentar o assunto.

Procurado, Porchat afirmou que o anúncio de sua saída não teve qualquer relação com a opção política do dono da emissora.

Ele afirmou que havia procurado a direção da Record e avisado que exerceria a cláusula de encerramento semanas antes de qualquer declaração de Macedo.

Porém, a informação acabou vazando justamente em 30 de setembro, mesmo dia em que Macedo fez a declaração de apoio. Isso porque essa era também a data final para que Porchat exercesse oficialmente o direito da cláusula.

Apesar disso, o apresentador e humorista afirmou à coluna que voltará a conversar com a Record em dezembro.

LEIA MAIS

Contrato de Porchat com a Record iria até o fim de 2019

Flavio Ricco: Após 2 anos, Fabio Porchat vai deixar a Record

Na Bahia, “Encontro com Fátima” é um fiasco e cai para 3º no ibope

Colunista no Twitter, no Facebook ou no site Ooops