Topo

Coluna

Ricardo Feltrin


Na Bahia e em Goiás, Record lídera; Fátima e Ana caem até para 3º no ibope

João Cotta/Divulgação/TV Globo
Fatima Bernardes e Ana Maria Braga, da Globo Imagem: João Cotta/Divulgação/TV Globo
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

2019-06-25T06:30:00

25/06/2019 06h30

Se ainda mantém hegemonia em São Paulo, Minas e Rio, em algumas outras capitais do país a Globo já deixou de ser a algum tempo uma unanimidade no gosto do público da TV aberta. Especialmente nas manhãs.

Dados consolidados e exclusivos de audiência, obtidos pela coluna, mostram que o "Encontro com Fátima " e o "Mais Você" enfrentam rejeição cada vez maior na Bahia e em Goiás.

Em Salvador, por exemplo, a TV Bahia (Globo) enfrenta há mais de dois anos uma crise de audiência. Recentemente passou a perder para a Record inclusive em horário nobre, durante a semana.

A afiliada da Globo promoveu grande demissão de quadros e corte de custos.

Em Goiânia, a TV Anhanguera (Globo) também não está em situação confortável nas manhãs, como mostram os números abaixo.

Esses dados (apurados pela Kantar, mas obtidos pela coluna por terceiros) englobam o período que vai de 1º de maio a 21 de junho último.

Aos números:

Salvador, maio e junho (até dia 21)
(cada ponto vale por cerca de 13,5 mil domicílios)

"Mais Você": 5,9 e 6,6 (2º)
Record (Itapoan): 7,9 e 7,6 (1º)
SBT (TV Aratu): 4,8 e 4,8 (3º)

"Encontro": 5,8 e 5,8 (3º lugar)
Record: 7,1 e 6,8 (1º)
SBT: 6,5 e 6,4 (2º)

Goiânia, maio e junho (até dia 21)
(cada ponto vale por cerca de 8,3 mil domicílios)

"Mais Você" (TV Anhanguera): 2,8 e 3,1 pontos (3ºlugar)
Record : 5.0 e 5,2 (1º)
SBT (TV Serra Dourada): 3,4 e 3,2 (2º)

"Encontro": 3,5 e 3,8 (2º)
Record: 6,5 e 6,6 (1º)
SBT: 3,2 e 2,8 (3º)

Ricardo Feltrin no Twitter, Facebook e site Ooops