Topo

Coluna

Ricardo Feltrin


Volta de Patrícia Abravanel ao SBT deixa produção de Raul Gil em pânico

Raul Gil no  Teleton - Reprodução/SBT
Raul Gil no Teleton Imagem: Reprodução/SBT
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

06/07/2019 13h05

A informação publicada ontem pelo site "Notícias da TV", de que Patrícia Abravanel vai voltar à grade do SBT à frente do "Topa ou Não Topa", causou um verdadeiro terremoto na equipe de Raul Gil.

Isso porque, segundo o NTV, após dois anos e duas gravidezes praticamente consecutivas, Patrícia, 41 anos, deve ocupar mais uma faixa das tardes de sábado (das 15h30 às 16h30).

Raul, que teve de aceitar a entrada do "Programa da Maisa" naquela que considera sua faixa, agora terá de engolir mais um sapinho e ter seu programa reduzido ainda mais. E não só por Patrícia.

Há em estudo no SBT a possibilidade de aumentar novamente o programa de Maisa em mais 15 minutos. A atração da garota tem sido um dos grandes sucessos comerciais da emissora (vice-líder de audiência, só perde para a Globo).

Hoje o "Programa Raul Gil" vai ao ar das 15h15 às 19h45. Com Patrícia e mais 15 minutos de Maísa ele perderia no total 1h15 de atração (menos tempo, menos possibilidade de fazer "merchans").

Segundo a coluna apurou, a ideia no longo prazo do SBT é "modernizar" os sábados com programas mais dedicados aos jovens.

Raul e sua equipe têm se sentido desvalorizados no SBT desde o final de 2016, quando, segundo Gil, por causa de uma "fofoca", ele foi demitido por SIlvio Santos (e chamado de volta cerca de dois meses depois).

Dessa vez, porém, não há fofocas envolvidas e a equipe de Raul Gil, 81 anos, acha que ele não vai suportar novas humilhações.

Vale dizer que a maioria dos contratos-padrão do SBT com seus artistas atuais não inclui multas contratuais. A emissora ou o artista podem rescindi-lo a qualquer momento, mediante apenas aviso prévio de um mês.

Ontem mesmo (6) já se ouvia nos corredores da Record rumores de que Raul Gil teria sido chamado para uma reunião na emissora na próxima semana. Procurada pela coluna, a Record negou que o encontro vá ocorrer.

Ricardo Feltrin no Twitter, Facebook e site Ooops