Topo

Coluna

Ricardo Feltrin


Discovery, 25 anos: Veja os 10 programas mais vistos do canal

Cena de "Largados e Pelados", programa mais visto do canal Discovery - Divulgação/Discovery
Cena de "Largados e Pelados", programa mais visto do canal Discovery Imagem: Divulgação/Discovery
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

08/07/2019 07h11

Há exatamente 25 anos, em julho de 1994, o então grupo Discovery Communications fechava acordo para que seu sinal fosse distribuído no Brasil, então ainda um incipiente mercado de TV por assinatura.

As primeiras transmissões começariam poucos meses depois e ele foi um dos canais pioneiros da TV por assinatura como a conhecemos (ao lado dos produtos da Globosat e de sua rival TVA, hoje VivoTV).

Duas décadas e meia depois, o Grupo Discovery se desdobrou em segmentos e nichos de público, mas o chamado "canal-mãe" hoje tem respeitáveis cerca de 15 milhões de assinantes.

Nesse processo de expansão no país, nos últimos 10 anos, por exemplo, o Discovery Kids foi o canal mais visto da TV por assinatura brasileira.

Só perdeu essa posição no ano passado, com a concorrência mais agressiva do SporTV. Mas, a diferença ainda é de décimos de pontos de ibope

De qualquer forma, dos 30 canais mais vistos do Brasil, quatro pertencem ao grupo. E três deles (Discovery, Home & Health e Kids) estão sempre na disputa do "top 10".

Para marcar a efeméride, a coluna relaciona hoje os 10 programas mais vistos do Discovery Channel.

O canal foi um dos pioneiros nos reality shows de sobrevivência e esse conteúdo atrai tanto telespectadores como críticas à constante presença de escatologia, riscos de ferimentos a participantes e acidentes.

Os dados que formam o ranking foram mensurados pela Kantar Ibope e abrangem de 1º de janeiro a 31 de maio de 2019.

1 - Largados e Pelados

Um casal de desconhecidos, quase sempre com algum conhecimento em sobrevivencialismo ou praticantes ativos de esportes, são largados peladões numa região erma num ponto qualquer do planeta. Eles devem seguir instruções e, primeiro, encontrar um ao outro. O momento em que os dois estranhos e pelados se veeem pela primeira vez é um dos pontos altos. Depois devem iniciar uma temporada de cerca de três semanas sob os riscos da natureza. Foi lançado em 2013 e logo virou uma "febre" (sem trocadilho com as intoxicações rotineiras).

2 - Ed Stafford: Contra Todos

Britânico, órfão adotado por um casal de advogados, hoje com 43 anos, Ed se tornou famoso em 2010 ao se tornar a primeira pessoa a caminhar por toda a extensão do Rio Amazonas. Tem seu nome no Guinness Book. Em "Contra Todos" ele faz uma corrida contra o tempo com outros competidores gabaritados em locais pantanosos e perigosos (um eufemismo).

3 - Quilos Mortais

É um reality show mórbido, onde as "estrelas" são pessoas com nível de obesidade grave e que sofrem com todo tipo de doenças associadas ao excesso de peso. Algumas estão tão debilitadas que parecem até que vão morrer diante das câmeras. Começou em 2012, originalmente exibido pelo canal TLC. A saga, as dores e as lágrimas para perder peso e recuperar (ou conquistar) a saúde são acompanhadas por médicos, fisioterapeutas e câmeras 24 horas por dia.

4 - As Piores Prisões do Mundo

Não é preciso falar muito, o título já diz tudo. Equipes de produtoras associadas ao Discovery se arriscam ao documentar o inferno em que vivem milhões de homens e mulheres nos piores sistemas penitenciários do mundo. Há cenas fortíssimas de agressões entre presos, de rebeliões e até de assassinatos a sangue frio (as cenas de violência são "borradas", mas ainda chocam).

5 - Desafio em Dose Dupla Brasil

Foi lançado em 2012, tendo o pragmático coronel Leite e o naturalista Leonardo Rocha sendo obrigados a conviver e a sobreviver em locais perigosos e com pouquíssimos recursos em terras brasileiras. Teve apenas duas temporadas e 12 episódios, mas ainda é um dos picos de audiência do canal, mesmo nas reprises. Nas duas temporadas h muitas cenas engraçadas de suave confronto entre o militar e o quase sempre vegano Léo.

6 - Meu Corpo, Meu Desafio

É um reality que expõe pessoas e crianças com doenças tão raras ou deformações tão graves que dependem da ajuda de familiares, amigos e organizações e especialistas para serem mantidas vivas. É um programa pesado, mas que também mostra exemplos incríveis de completa abnegação e do bom coração humano. Nem tudo ainda está perdido para a humanidade enquanto essas pessoas existirem.

7 - Desafio em Dose Dupla

É o reality original que deu origem ao brasileiro. Foi lançado em 2010 com dois participantes distintos que lembram a dupla Leite-Léo: o "riponga" Cody Lundin e o pragmático Dave Canterbury. Dave deixou o programa em 2011. Em 2013 o Discovery tentou um novo parceiro para Cody, o ex-militar Joe Teti, mas a empreitada quase acabou em socos numa cachoeira. Várias outras duplas já foram tentadas, mas nenhuma superou o carisma da original até hoje.

8 - Ed Stafford - O Sobrevivente

Eis aqui de novo o britânico Ed, agora em versão solo. Ele é "abandonado" pela produção do programa em alguma ilha remota ou região esquecida por Deus, sem ferramentas, sem água, fogo e sem roupa. Ele próprio faz todas as filmagens. Ele só aciona o resgate (o que já ocorreu) quando está em situação de morte iminente. Como é resistente (e teimoso) como uma mula, é garantia de fortes emoções ao telespectador.

9 - Sobrevivência ao Limite

Um dos reality mais interessantes lançados pelo Discovery nos últimos anos. Coloca profissionais altamente qualificados (engenheiros, médicos, programadores, mecânicos etc.) em grupos, para conviver na natureza selvagem. O objetivo é mostrar como esses cérebros privilegiados se comportam e sobrevivem longe dos laboratórios, oficinas e ferramentas avançadas que têm acesso no mundo "normal".

10 - Largados e Pelados - A Tribo

Mesma coisa que o original, só que em vez de duplas neste reality são grupos inteiros colocados em situação de sobrevivência e, pior, de convivência. Não raro os participantes entram em choque, colapso, desistem ou têm ataques de chilique uns com os outros. Conviver em sociedade tribal não é nada fácil. Imaginem com fome, então?

Ricardo Feltrin no Twitter, Facebook e site Ooops