Topo

Coluna

Ricardo Feltrin


Para "desacelerar" na TV, Silvio prepara Patrícia, Rebeca e Tiago

Silvio Santos, 88 anos, acha que já é hora de diminuir o ritmo de trabalho  - Reprodução
Silvio Santos, 88 anos, acha que já é hora de diminuir o ritmo de trabalho Imagem: Reprodução
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

11/07/2019 10h44

A iminente volta da filha Patrícia Abravanel ao SBT, à frente do "Topa ou Não Topa", a possível entrada do neto Tiago Abravanel na programação, além de Rebeca Abravanel (que já apresenta o "Roda Roda") são parte de um plano de Silvio Santos para, aos poucos, começar a trabalhar menos.

Aos 88 anos, o dono do SBT acha que já é hora de "desacelerar" e passar mais tempo com a família, os netos e viajando com a mulher, Íris.

Patrícia já deveria ter voltado ao ar em 2018, como esta coluna informou em setembro, mas sua terceira gravidez (do menino Senor) interrompeu temporariamente os planos.

Já Tiago está sendo avaliado para vários projetos, entre eles a volta do "Programa Livre", que ficou conhecido no país sob o comando de Serginho Groisman e por seu bordão "fala garoto".

Rebeca acabou de casar com o jogador Pato e, segundo a coluna apurou, tem como meta também engravidar em 2019.

De forma que por enquanto ela segue à frente do "Roda Roda", mas em 2020 devem surgir novidades.

Silvio avisou à família que não quer sair do ar, mas apenas diminuir a quantidade de trabalho.

Há anos a família e até médicos do dono do SBT insistem que ele não tem mais necessidade de passar tantas horas de pé e gravando.

Às vezes ele chega a gravar três dias por semana (terças, quintas e sábados), passando em até oito horas de pé.

Hoje o programa do "patrão" dura quatro horas aos domingos. Seu objetivo é ir reduzindo essa carga horária até o próximo ano. Apesar de gravar o programa, Silvio é obcecado com conteúdo sempre inédito. Ele não admite repetir conteúdo.

Neste ano Silvio já começou a "desaceleração": prolongou suas férias, tendo ficado mais de quatro meses fora do Brasil (em Orlando). Se tudo correr bem, essas temporadas de papo pro ar só vão aumentar daqui em diante.

Ricardo Feltrin no Twitter, Facebook e site Ooops