Topo

Coluna

Ricardo Feltrin


Ibope: SBT tem maior vantagem sobre Record em um ano

Silvio Santos, apresentador e dono do SBT - Divulgação/ SBT
Silvio Santos, apresentador e dono do SBT Imagem: Divulgação/ SBT
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

03/08/2019 09h54

O SBT encerrou julho na vice-liderança no ibope da TV aberta. Foi o 28º mês consecutivo à frente da rival Record, na média das 24 horas do dia. A Globo liderou com folga.

Julho foi também o mês em que o SBT abriu a maior diferença sobre a Record: 6,5 pontos x 4,9 pontos --pior índice da emissora de Edir Macedo desde janeiro de 2018.

O SBT portanto é segundo lugar isolado na média 24 horas desde abril de 2017 na Grande São Paulo. Nessa média cada ponto da Kantar Ibope Media equivale a cerca de 73 mil domicílios sintonizados.

A TV de Silvio Santos derrotou a Record nos 31 dias do mês e em quase todas as faixas horárias.

Das 6h à 0h, marcou 5,2 x 3,4.

Das 12h às 18h houve empate: 7,1 x 7,1.

No horário nobre, das 18h às 24h, considerada a faixa mais valiosa da TV aberta, o SBT marcou 8,9 pontos contra 7,9 do terceiro lugar.

Já nas madrugadas é quando a Record --graças à cessão de grade para a Igreja Universal-- despenca: SBT 4,8 x 1,3 Record.

Como esta coluna publicou na semana passada, outro dia problemático para a Record é o sábado --dia em que o SBT também abre larga vantagem e vence invariavelmente.

Relembrando que esta é uma briga pelo 2º lugar na audiência. A Globo registra em audiência sozinha mais que a segunda e terceira colocadas somadas.

Ricardo Feltrin no Twitter, Facebook e site Ooops

Ricardo Feltrin