Topo

Coluna

Ricardo Feltrin


1 ano antes de contrato acabar, SBT e RedeTV já "namoram" Datena

12. Em agosto, o jornalista José Luiz Datena detonou as pessoas que aguardavam ansiosamente o lançamento do jogo "Pomémon Go" no Brasil - disse que os jogadores são "poketrouxas", manés e desocupados - Reprodução/Band
12. Em agosto, o jornalista José Luiz Datena detonou as pessoas que aguardavam ansiosamente o lançamento do jogo "Pomémon Go" no Brasil - disse que os jogadores são "poketrouxas", manés e desocupados Imagem: Reprodução/Band
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

08/09/2019 07h02

Ainda falta pouco mais de um ano para o contrato de José Luiz Datena com a Band expirar, mas duas emissoras concorrentes já flertam descaradamente e tentam atrair o apresentador. São elas: SBT e RedeTV

No caso do SBT, Datena já esteve muito perto de assinar duas vezes com a emissora.

A última ocasião foi em 2017, pouco antes da derrradeira renovação com a Band.

Datena chegou a passar um domingo inteiro com Silvio Santos. "Ele me recebeu de bermuda", revelou o âncora do "Brasil Urgente" em entrevista no ano passado.

Da primeira vez Silvio fugiu do assunto depois que soube que teria de pagar uma multa multimilionária à Band.

Vale dizer que Silvio nunca fez nenhum acordo de cavalheiros para não assediar estrelas da emissora do Morumbi —diferentemente do que com a Record.

Ele e Edir Macedo se comprometeram a não avançar nos quadros funcionais uma da outra durante a vigência de contratos. Foi o que impediu o SBT de atrair Luiz Bacci neste ano (ele acabou renovando com a Record no último dia de vigência do acordo)

Outra emissora que já demonstra claro interesse em Datena, segundo esta coluna apurou, é a RedeTV. O apresentador é amigo pessoal de Marcelo de Carvalho e Amílcare Dallevo.

O diretor de Jornalismo da RedeTV, Franz Vacek, é ainda mais próximo de Datena, que já teve uma curta passagem pela emissora em 2002.

Entre idas e vindas, Datena, 62, trabalha há 17 anos na Band, canal onde hoje passa diariamente três horas e meia ao vivo (e de pé).

O "Brasil Urgente" é o programa fixo com maior média de audiência a emissora.

Seu contrato com a Band termina em 30 de novembro de 2020.

A coluna tenta localizar Datena desde ontem, para comentar o assunto, mas não obteve sucesso até a publicação deste texto.

Ricardo Feltrin no Twitter, Facebook e site Ooops