Topo

Coluna

Ricardo Feltrin


Discurso gravado de Bolsonaro no SBT bate Record ao vivo no ibope

O presidente da República, Jair Bolsonaro, discursa na ONU, em Nova York, ontem - William Volcov/Brazil Photo Press/Folhapress
O presidente da República, Jair Bolsonaro, discursa na ONU, em Nova York, ontem Imagem: William Volcov/Brazil Photo Press/Folhapress
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

25/09/2019 08h10

A decisão de Silvio Santos de cancelar o episódio da novela "Cùmplices de Um Resgate" ontem e exibir em seu lugar a íntegra do discurso de Jair Bolsonaro na ONU se mostrou acertada --do ponto de vista de audiência, pelo menos.

Dados mensurados em tempo real pela Kantar Ibope Media, obtidos pela coluna, mostram que o discurso do presidente exibido no SBT marcou 6,6 pontos de média na Grande São Paulo, contra 4,6 pontos da Record, que no momento exibia o "Jornal da Record".

Cada ponto equivale a cerca de 73 mil domicílios na região, a principal praça publicitária do país. Esses dados são do "realtime". O ibope consolidado só deve ser divulgado pro volta das 12h de hoje, mas a oscilação entre "realtime" e consolidado é mínima e não pode afetar esse resultado.

Silvio Santos tomou a decisão intempestivamente. Ele não estava no SBT, mas telefonou lá à noite, durante a exibição do "SBT Brasil", e mandou trocar a novela pela fala de Bolsonaro.

Foi uma correria para atender ao desejo do patrão.

O discurso de Bolsonaro na Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas durou mais de 30 minutos.

Embora tenha derrotado a Record, o discurso derrubou a audiência do SBT em quase cinco pontos, que imediatamente antes registrava 11,2 pontos de média com a novelinha "As Aventuras de Poliana".

Mesmo assim, a Record foi derrotada por um discurso gravado e não inédito.

Ricardo Feltrin no Twitter, Facebook e site Ooops

Mais Ricardo Feltrin