Topo

Coluna

Ricardo Feltrin


Globo atrasa "Se Joga" para fugir da "Venenosa", mas perde no ibope

Fabiana Karla, Érico Brás e Fernanda Gentil na estreia do "Se Joga" (Globo) - Reprodução/Globo
Fabiana Karla, Érico Brás e Fernanda Gentil na estreia do "Se Joga" (Globo) Imagem: Reprodução/Globo
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

30/09/2019 15h30

O programa "Se Joga" estreou nesta segunda-feira (30) com atraso de quase 20 minutos em relação ao horário anunciado pela Globo.

E estreou em 2º lugar: perdeu de 8,6 pontos a 10,7 pontos para o quadro "A Hora da Venenosa" no ibope na Grande SP, segundo dados em tempo real obtidos pela coluna (o ibope consolidado só sai amanhã, mas há pouca variação atualmente).

Cada ponto vale por cerca de 73 mil domicílios na região.

O "Se Joga" perdeu também na média em Salvador (7,2 x 14,4), Belo Horizonte (8,5 x 11,1) e Goiânia (5,4 x 12,8). Porém, ganhou bem no Rio: 10,7 x 8,6.

A coluna apurou que a decisão de esticar o "Jornal Hoje" (que teve a estreia de Maju Coutinho como âncora) e de atrasar a nova atração foi tomada na semana passada e mantida em sigilo até o último momento.

Suposto motivo: não fazer a estreia do "Se Joga" disputar todos os 60 minutos com o quadro "A Hora da Venenosa", do "Balanço Geral" (Record), que lidera o ibope nos últimos 12 meses.

Não adiantou nada. Em resposta a Record esticou o quadro da "Venenosa" em 15 minutos.

Com o atraso, o "Se Joga" enfrentou por quase 10 minutos também a reprise da novela "Bela a Feia", em vez de a "Venenosa". E perdeu também: 8,4 x 9,5 (confronto de 10 minutos)

Como esta coluna informou hoje, a faixa das 14h às 15h é a única em que a Globo perde a liderança de audiência para a Record.

O "Se Joga" é mais uma tentativa de enfrentar o quadro de fofocas da Record.

A medição dessa pontuação é feita pela Kantar Ibope, mas a empresa não pode divulgar esses dados devido a cláusula contratual da empresa com as emissoras de TV. A coluna obteve as informações por outras vias.

Mais Ricardo Feltrin