TV e Famosos

"Não tenho plano de parar", diz Mick Jagger em entrevista a Luciana Gimenez

Divulgação/RedeTV!
Entrevista teve um tom descontraído e familiar Imagem: Divulgação/RedeTV!

Do UOL, em São Paulo

03/03/2016 03h54

Mick Jagger deu uma entrevista exclusiva ao “Superpop”, de Luciana Gimenez, que foi a única que conseguiu conversar com o músico em sua passagem pelo Brasil, talvez por conta dos laços familiares dos dois – o filho Lucas Jagger. Descontraído e a vontade, tanto Jagger como Gimenez pareciam estar numa conversa de velhos amigos, o que permitiu até que Mick fizesse piada em uma resposta quando perguntado qual a diferença entre a América do Sul do resto do mundo. “Fica mais ao sul do hemisfério”, disse rindo. Tranquila, Luciana continuou: “Chupa, Luciana!!! Eu quis dizer sobre o público”.

Com mais de 50 anos de banda, Mick contou que eles ainda fazem planos de novos álbuns e turnê. “Não tenho plano de parar, vamos fazer essa turnê e conversar, tivemos no estúdio antes do natal, no final da primavera vamos gravar mais músicas”, contou.

Aos 72 anos, o cantor contou um pouco da sua rotina antes de cada show para manter a energia durante duas horas no palco.

“Apesar de eu estar falando com você, que não é uma coisa ruim, hoje é o meu dia de folga, então eu pego mais leve. Não como antes do show, como sete horas antes, massa, e depois do show como mais massa. Mas sou sortudo de ter uma genética boa, é só a genética”.

Jagger também falou sobre os shows realizados no Rio de Janeiro e em São Paulo.

“Foi um show muito bom, tranquilo e quente. Não choveu, a plateia estava ótima, tinha um clima muito tranquilo, não parece tão eufórico para mim. Em São Paulo já tem um tipo de público diferente, parece que todo mundo assiste pelo telefone e a cidade dos telefones, parece um mar de telefones. Em algumas músicas pedimos para acender a luz porque sabemos que a plateia vai cantar, aí consigo ver as pessoas, as garotas bonitas, mas também vejo caras com bandeiras, as pessoas que nos seguem, então, tem gente de vários países com bandeiras”.

Amigo de longa data de David Bowie, Jagger lamentou a morte do músico no início deste ano.

“Via a esposa dele em eventos, mas não o via, pensava em reestabelecer o contato. Essas coisas acontecem e isso é muito triste, me deixa chateado, te pega de surpresa”.

Família

Pai de sete filhos, entre eles Lucas Jagger, Mick disse que adora ter os filhos sempre por perto, apesar de ser difícil reunir todo mundo ao mesmo tempo, e falou com orgulho de James Jagger, que atua na série “Vinyl”, da HBO, idealizada por ele e o cineasta Martin Scorsese.

“Eu sabia que a mulher que o avaliaria seria durona, mas ele entrou lá, mandou muito bem e ficou com o papel. Ele fez um bom trabalho”.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais TV e Famosos

Topo