TV e Famosos

"Terei que aprender a respeitar", diz Nizo sobre Rian ter querido ficar só

Reprodução/facebook.com/netonizo
Desenho que Isabela, irmã de Rian Brito, fez para ele Imagem: Reprodução/facebook.com/netonizo

Do UOL, no Rio

06/03/2016 11h11

rês dias após o corpo de Rian Brito ter sido encontrado, o ator Nizo Neto escreveu uma carta emocionada sobre esse triste momento que está vivendo. Na mensagem, o pai de Rian diz que se recusa a escrever no passado, "porque ele nunca vai sair do meu coração" e que terá que aprender a respeitar a vontade que o filho tinha quando viajou, que era apenas ficar sozinho. Junto com a mensagem, Nizo publicou o desenho que a irmã de Rian fez para ele.

"Este é aquele momento na vida que a gente acha que nunca vai acontecer com a gente. Isso acontece em filme ou na vida dos outros, nunca na nossa. Rian sempre foi meu grande amigo e companheiro, um filho maravilhoso com um sorriso que ilumina qualquer ambiente. Sempre fui seu grande fã, não só como o músico maravilhoso que é, mas principalmente como pessoa, com seu bom humor, seu jeito carinhoso e educado, sua inteligência e enorme sensibilidade. Uma pessoa de caráter irretocável e uma aura que você vê de longe. Me recuso a escrever no passado, porque ele nunca vai sair do meu coração. Vou tentar preencher esse buraco que ficou nele com todo esse amor que sinto por ele e tentar transformar isso em uma coisa positiva. Agora vai ser mais difícil ouvir Beatles ou passar pela capa de Débi & Loyd no Netflix, mas isso é muito pequeno comparando com a memória de tantos momentos incríveis – nossos momentos – onde pude ensinar alguma coisa e aprender muito também.

Meu menino, é muito triste pensar que seus últimos momentos foram tão solitários, mas sei que é o que você estava querendo no momento. Vou ter que aprender a respeitar. Pena você não ter tido a informação do perigo daquele mar onde você foi se refrescar e tudo ter terminado dessa forma tão trágica. Seu avô Chico já dizia: “Se é de terra que fique na areia. O mar bravo só respeita rei.” Mas não te julgo, meu anjo. Só quero mesmo que agora você possa cumprir com muito amor sua missão no mundo espiritual, junto com uma turma muito boa que está aí em cima. Este desenho foi feito por sua irmã querida Isabela, que te ama mais do que tudo nesse mundo. Fica com Deus, meu querido. E vamos nos falando..."

Documentário e alerta

A mãe de Rian, Brita Brazil, disse que pretende documentar a história de seu filho, porque "é a única forma de levar esta história ao mundo", e que a informação é necessária "para cessar com esta irresponsabilidade no Brasil e no mundo".

Reprodução/Facebook/brita.brazil
Brita Brazil e o filho Rian Imagem: Reprodução/Facebook/brita.brazil

Rian tinha 25 anos e estava desaparecido desde o último dia 23. O seu corpo foi encontrado dia 3, na Praia do Valão, na Reserva de Jurubatiba, em Quissamã, no norte fluminense. O local é deserto e de difícil acesso.

O corpo estava a 25 km de onde já tinham sido encontrados documentos pessoais, um cartão bancário, uma camisa e os chinelos do Rian. Quem encontrou o corpo foi um pescador e um guarda municipal. O laudo da necropsia apontou que a causa da morte foi asfixia por afogamento, disse a Polícia Civil. A perícia foi feita no Instituto Médico-Legal (IML) de Macaé (RJ).

Após uma coletiva de imprensa feita na sexta-feira, Brita disse que sabe por que Rian foi até lá sem avisar e levantou uma questão importante, a ausência de placas de perigo na praia.

"[A delegada Ellen Souto, titular da DDPA (Delegacia de Descoberta de Paradeiros] disse que Rian estava fraco e cansado quando chegou ao local. Nesta praia, segundo os moradores, ninguém mergulha por se tratar de mar aberto, ou seja, quando você dá dois passos entrando no mar, a areia acaba, e se você tentar voltar e pisar, é como em areia movediça, é sugado por enorme correnteza. Foi dito ontem por meus netos surfistas, que chegaram pro crematório do tão querido tio, é que nem surfista profissional em plena forma é capaz de lutar contra correnteza para voltar a margem, esgotando todas suas possibilidades. Nesta praia que mesmo sendo deserta e está aberta ao publico, deveria haver placas "PROBIDO NADAR". A pergunta que não foi respondida é: por que Rian foi sem avisar, com dinheiro suficiente para passar um final semana e voltar? Após cremá-lo, será minha infinita denúncia, já que sei a resposta."

A cremação de Rian é nesta tarde no Cemitério São Francisco Xavier, no Caju, zona norte do Rio de Janeiro.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

TV e Famosos
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
Blog do Maurício Stycer
Blog do Nilson Xavier
Redação
TV e Famosos
Blog do Nilson Xavier
Colunas - Ricardo Feltrin
TV e Famosos
Chico Barney
Redação
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
Redação
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Blog do Maurício Stycer
TV e Famosos
Topo