TV e Famosos

"Foi muito de verdade", diz Eliane Giardini sobre cena com Candinho

João Cotta/TV Globo
Candinho (Sergio Guizé) e Anastácia (Eliane Giardini) se abraçam, emocionados, ao descobrirem que são mãe e filho em "Êta Mundo Bom" Imagem: João Cotta/TV Globo

Giselle de Almeida

Do UOL, no Rio

12/04/2016 18h35

Não faz muito tempo, Anastácia, personagem de Eliane Giardini em "Êta Mundo Bom", pensou ter encontrado o filho que busca a vida inteira no golpista Ernesto (Eriberto Leão), numa armação com Sandra (Flávia Alessandra) para arrancar dinheiro da ricaça. Mas, pouco tempo depois, numa reviravolta proposta pelo autor Walcyr Carrasco, eis que a milionária finalmente descobriu que o jovem que conhecia da porta da igreja era seu menino, Candinho (Sergio Guizé).

A sequência começou a ser exibida a última terça-feira (12), numa semana de grandes revelações da trama - o capítulo de segunda, com Pancrácio (Marco Nanini) interrompendo o casamento dos vilões e acabando com a farsa bateu o recorde audiência da novela, com 28 pontos no Rio e 32 em São Paulo. Na hora da gravação, a emoção tomou conta dos atores e da equipe no estúdio para um dos momentos mais aguardados da novela.

"Foi uma sequência muito bonita. Não esperava que fosse agora, mas o Walcyr (Carrasco, autor da novela) é craque, ele manda ver na história, não segura nada. Ele me pegou totalmente de surpresa! Foram dois capítulos bem intensos", afirma a atriz. "Há duas ou três semanas, eu fiz uma cena em que encontrava meu filho e fiquei preocupada de que não ficasse a mesma coisa. Mas nem precisava me preocupar, o fato de ser uma sequência de eventos ajudou bastante, isso deu o tom. Foi muito de verdade, eu me atirei no abismo", conta.

Segundo Guizé, por ser um momento bastante esperado da trama, foi uma cena muito estudada. Mas é só na hora que a mágica acontece, e o resultado final ficou diferente do que ele imaginava.

"Ficou mais emocionante até, mais rico. A gente deixou para acontecer ali, Eliane teve um descontrole necessário, era muita emoção. Eu lendo já fiquei emocionado. Por isso a gente tinha que ir bem preparando, para não gastar essa poesia que acontece na hora, não adianta ficar repetindo muitas vezes. Eliane é muito elegante e me deixa muito à vontade, estou em boas mãos", afirma.

João Cotta/TV Globo
Sergio Guizé posa com o novo visual de Candinho, que usa roupas chiques na nova fase de "Êta Mundo Bom" Imagem: João Cotta/TV Globo

Vida de rico

Com a identidade do mocinho devidamente esclarecida, ele se muda com mala, cuia, Pirulito (JP Rufino) e o burro Policarpo para a mansão. Agora rico, Candinho tem dinheiro a usar roupas chiques e passa a ter aulas de etiqueta com Sandra, que quer ensiná-lo a comer escargot e a se portar como alguém da sociedade. Mas o que os outros vão pensar de seu herdeiro é a última das preocupações de Anastácia.

"Ele é muito diferente dela, mas tem uma coisa linda: ela acolhe completamente esse filho, gosta dele do jeito que ele é. Ele quer vestir calças curtas, então ela deixa. Acho bem bonito o fato de ela não querer transformá-lo em outra pessoa", diz Eliane. 

E a essência do caipira continua a mesma, afirma Guizé. Mas a vida reserva "Ao mesmo tempo que encontra a mãe, Candinho fica um pouco mais duro porque perdeu seu grande amor, já que a Filomena (Débora Nascimento) vai se casar com o Fragoso (Luís Gustavo). E ele não é bobo, percebe algumas aproximações por interesse, mas está mais maduro", analisa o ator.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo