TV e Famosos

"Tem uma crítica social, não é só o vilão", diz Paulo Rocha sobre Dino

Estevam Avellar/TV Globo
Dino (Paulo Rocha) voltará para apavorar Eliza (Marina Ruy Barbosa) Imagem: Estevam Avellar/TV Globo

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

06/05/2016 13h43

A vida de Eliza (Marina Ruy Barbosa) está prestes a voltar a ser um inferno na reta final de "Totalmente Demais". O motivo é a volta do seu padastro Dino (Paulo Rocha), que reaparecerá na novela disposto a se vingar da ruiva. O vilão, que no passado abusou da menina, armou sua prisão na tentativa de arrancar dela o dinheiro do concurso de beleza e fugiu após tentar matá-la, deve apavorar também a mulher Gilda (Leona Cavalli).

Em conversa com o UOL, Paulo Rocha contou que é abordado na rua com frequência por fãs da novela e que é bem recebido por todos. Diferentemente do que acontece com alguns atores que vivem vilões, as pessoas nunca descontaram a raiva que têm de Dino nele.

"Nunca me confundem com o Dino, graças a Deus. Fico muito feliz que as pessoas reconheçam. Não é um personagem muito fácil de fazer, tem uma crítica social muito importante, não é só o vilão. É tão importante o mocinho como o vilão, porque você aprender o que deve fazer, é tão importante como você aprender o que não deve fazer. O que posso adiantar é que o Dino vai voltar terrível, e vai ser divertido.", contou.

Nos próximos capítulos, Dino vai rondar o restaurante de Eliza e conseguirá ter o filho Carlinhos (Kaik Brum) como seu aliado para se vingar da enteada. Ele enrolará o garoto e dirá que o motivo do seu sumiço teria sido por conta de uma armação da jovem.

Reprodução/GShow/
Dino (Paulo Rocha) agarra Eliza (Marina Ruy Barbosa) Imagem: Reprodução/GShow/"Totalmente Demais"


Se as cenas de Dino são tensas, nos bastidores o elenco, que inclui Marina Ruy Barbosa, Leona Cavalli e Fábio Assunção, se diverte, é unido e tem um clima ótimo, segundo o ator.

"Na nossa vida como ator, quando a gente tem sorte, surge um ou outro projeto em que tudo dá certo e às vezes isso acontece em cima disso, a audiência ainda ajuda. O caso dessa novela é um dos felizes encontros entre todo mundo. O clima é maravilhoso, é muito prazeroso trabalhar num projeto assim", comemora.

Aos 38 anos, o ator português está no Brasil desde 2011 e e teve a sorte de poder emendar um trabalho no outro. De lá pra cá, ele atuou em "Fina Estampa" (2011), "Guerra dos Sexos" (2012), "Império" (2014) e desde 2015 está em "Totalmente Demais". Antes disso, ele já trabalhou em 11 novelas em Portugal.

"No futuro próximo não está nos meus planos voltar para Portugal, até porque tenho a Juliana (namorada) aqui, a Rede Globo, meus amigos, me adaptei bem à cidade. Também é muito fácil se adaptar quando você tem a sorte de vir morar no Rio de Janeiro da forma que vim, já envolvido em um projeto, depois tive a sorte de conhecer a Juliana, já estamos juntos há mais de 4 anos. Conheci ela, seis meses depois de ter chegado. Eu gostaria de  voltar um dia pra Portugal, daqui a uns anos, voltar, fazer um trabalho lá, rever meus amigos.", contou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo