TV e Famosos

"Foi assassinado com crueldade e frieza", diz irmã de fã de Ana Hickmann

Reprodução/Facebook
Rodrigo Augusto de Pádua invadiu o quarto do hotel onde Ana Hickmann estava hospedada no sábado (21), em Belo Horizonte Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

24/05/2016 15h19

Irmã de Rodrigo Augusto de Pádua, o fã que morreu após invadir o quarto de hotel onde estava Ana Hickmann no sábado (21), Elaine de Pádua não se convenceu das circunstâncias da morte dele. De acordo com o delegado responsável pelo caso, Rodrigo foi morto pelo cunhado da apresentadora em legítima defesa.

Para Elaine, no entanto, o caso ainda precisa ser melhor explicado. "Não estou aqui para defender ou isentar meu irmão da sua responsabilidade, ele não está mais entre nós para se defender. Estava transtornado sim, mas foi assassinado com crueldade e frieza. Ele já estava imobilizado quando levou os tiros, os três pelas costas", afirmou em sua página do Facebook.

"Muitas contradições nos depoimentos e como minha mãe mesma disse, ele só queria conversar e vê-la.... Queria atenção de alguma forma. Não vamos esquecer que ele foi impulsionado pelo amor que tinha por ela, em seu mundo ele sofria muito com tudo isso... Só quem convivia com ele sabe o que estou dizendo", escreveu.

Ela, que lamentou o episódio, disse que a família tem sido injustamente crucificada: "Sinto muito pela apresentadora e sua família, sei que não foi fácil todo esse pesadelo, mas por ela ser uma pessoa pública estão nos crucificado e isso é injusto".

Em seu depoimento, Elaine destacou a parte do diálogo em que Rodrigo dizia aos reféns - Ana Hickmann, Gustavo Correa e Giovana Oliveira - que não tinha a intenção de matá-los. A conversa foi gravada pelo cabeleireiro de Hickmann, que ouviu o que se passava da porta do quarto antes de correr para pedir ajuda. Assessora e cunhada da apresentadora, Giovana foi atingida por um tiro que acertou o abodome, perfurou o intestino grosso, o delgado e uma artéria. Ela foi levada ao hospital Biocor, em Belo Horizonte, e respira sem ajuda de aparelhos no Centro de Terapia Intensiva (CTI)
 
"Ele repetia o tempo todo, não sou assassino, não tenho passagem pela polícia e falava em Deus... E sempre em suas declarações à apresentadora falava do seu amor, carinho e preocupação com a minha mãe. O amor levou o meu irmão a tudo isso, não a maldade e crueldade como estão falando", declarou.

Helisson Augusto de Pádua, irmão de Rodrigo, fez um apelo a seus amigos: "Peço a todos que não olhem só um lado, olhem para o ser humano bom e amável que era meu irmão. A todos que nos conhecem, sabem que Rodrigo Augusto de Pádua era alegre, amoroso, gentil, cuidava dos meus pais com muito amor".

O cunhado de Hickmann partiu para cima do criminoso e conseguiu desarmá-lo. Rodrigo chegou e a efetuar dois disparos em direção às vítimas, acertando Giovana. Segundo o boletim de ocorrência, "as vítimas saíram correndo do apartamento, e Gustavo entrou em luta corporal, conseguindo desarmar o agressor".

 
Perfil do atirador
Morador de Juiz de Fora, Rodrigo Augusto vendeu vendeu alguns pertences nos últimos dias com o objetivo de conseguir de dinheiro para viajar para Belo Horizonte. Ele chegou à capital mineira na sexta e se hospedou no mesmo hotel onde estava a apresentadora.
 
"Eles mataram o meu irmão. Ele vivia dentro de casa, mas era uma pessoa muito boa", disse Helisson, irmão do atirador. "Nós descobrimos somente agora que ele era fã dela, há pouco tempo. Descobrimos pelo Instagram, pelas mensagens que estava mandando para ela", completou, em seguida.
 
O corpo de Rodrigo foi enterrado na manhã de segunda-feira, no Cemitério Municipal de Juiz de Fora.
 
"Preciso colocar a cabeça no lugar"
Reprodução/TV Record
Ana Hickmann se emociona ao relembrar atentado Imagem: Reprodução/TV Record
Dois dias depois de sofrer o atentado, Ana Hickmann participou ao vivo, pelo Skype, do programa "Hoje em Dia". Ela disse que está com saudades da equipe e que o objetivo agora é se recuperar
 
"Vou te falar que essas duas últimas noites não têm sido nada fáceis, mas hoje consegui acordar um pouco mais tranquila. Ter a família por perto ajuda bastante. Estou morrendo de saudades", afirmou.
 
Afastada do "Hoje em Dia"
Apresentadora titular do "Hoje em Dia" - junto a Renata Alves, César Filho e Ticiane Pinheiro -, Ana Hickmann ficará pelo menos uma semana fora da atração para que possa se restabelecer do trauma. A informação foi confirmada pela assessoria da Record ao UOL.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo