TV e Famosos

Fedora de "Sassaricando", Cristina Pereira aprova Tatá Werneck em novela

Divulgação
A Fedora de hoje, Tatá Werneck (à esq), e a de1987, vivida por Cristina Pereira Imagem: Divulgação

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

06/06/2016 16h44

Há 29 anos, Cristina Pereira formava uma dupla de sucesso com Diogo Vilela em "Sassaricando", novela de Silvio de Abreu. A atriz deu vida à inesquecível Fedora Abdala, uma jovem mimada, que se sentia dona de tudo, apaixonada por Leonardo Raposo (Diogo Vilela) e nem desconfiava que ele era um golpista.

Na última semana, ela pôde matar as saudades de Fedora ao ver Tatá Werneck interpretar a nova versão da personagem em "Haja Coração", novela inspirada em "Sassaricando".

"Assisti o segundo capítulo e gostei muito da novela, achei muito dinâmica as cores, o ritmo. Gostei muito do trabalho da Tatá, achei ela o máximo, acho que ela imprime uma humanidade ao personagem, é engraçado, mas tem uma dramaticidade também, isso é muito importante. Apesar dela estar vestida de uma forma extravagante, mesmo sendo comédia, ela imprime uma humanidade muito grande. Achei tudo muito bacana, gostei mesmo da novela", disse a atriz ao UOL.

Durante muitos anos as pessoas me viam na rua e falavam sobre a Fedora, até hoje algumas pessoas ainda falam.

Ao lado do ator Gabriel Godoy, que interpreta o Leo em 'Haja Coração", Tatá tem o desafio de não decepcionar os fãs da primeira Fedora, papel mais marcante de Cristina. "Durante muitos anos as pessoas me viam na rua e falavam sobre a Fedora, até hoje algumas pessoas ainda falam. Minha parceria com o Diogo Vilela foi fundamental para gente criar aquele casal. O Diogo é um grande amigo e eu o admiro muito como ator. A gente fazia cenas e ele me dava dicas, foi muito parceiro", elogia a veterana.

Nelson di Rago/Globo/Divulgação
Diogo Vilela era o noivo interesseiro de Fedora Abdala, em "Sassaricando" Imagem: Nelson di Rago/Globo/Divulgação
O casal Leozinho e Fefê era apenas coadjuvante, mas ganhou tanto destaque na novela de 1987 que Cristina e Diogo foram convidados a integrar o humorístico "TV Pirata". "A gente gravava ao mesmo tempo a novela e o 'TV Pirata'. Era um trabalho bem intenso e eu fazia teatro. Foi a época que acho que mais trabalhei na minha vida", recorda.

Contratada da Record desde 2006, último trabalho de Cristina Pereira na emissora foi uma participação na série "Conselho Tutelar", que estreou a segunda temporada em janeiro de 2016, e a novela "Milagres de Jesus" (2014).

"Por enquanto não estou escalada para nenhum trabalho na Record. Não sei se vou renovar, meu contrato vai até agosto, vamos ver, tudo pode acontecer, tem que entregar um pouco nas mãos do destino", diz.

Divulgação
Cristina Pereira em cena de "TV Pirata" Imagem: Divulgação

Apesar de estar na emissora concorrente, a atriz confessa que pretende acompanhar os capítulos de "Haja Coração". "Desejo um sucesso para essa novela e para 'Escrava Mãe'. Fico dividida porque eu trabalho na Record, mas tenho uma afinidade com esse trabalho", explica.

Aos 66 anos, Cristina Pereira já atuou em mais de 15 novelas, entre elas "Dinheiro Vivo" (1979), "Cambalacho" (1986), "Vidas Opostas" (2006) e "Balacobaco" (2012). No cinema, a atriz esteve em "Mar de Rosas" (1978), "Mais Uma Vez Amor" (2005), "De Pernas Pro Ar" (2010 e 2012), entre outros.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo