TV e Famosos

Catra diz ser a favor da "liberação" das drogas e admite que usava cocaína

Reprodução /Band
5.jul.2015 - Mara Maravilha e Mr. Catra trocam confidências durante o programa "Bate & Volta" Imagem: Reprodução /Band

Do UOL, em São Paulo

06/07/2016 04h45

Participantes do programa “Bate & Volta” desta terça-feira (5), Mr. Catra e Mara Maravilha apresentaram visões bem diferentes sobre diversos assuntos. A divergência entre os dois começou quando a apresentadora disse que fica impressionada quando alguém usa drogas na frente dela.

“Na minha opinião entorpecente é lazer, quando deixa de ser lazer vira droga. Eu liberaria todas as drogas. O Brasil é um país que está em crise. A gente gasta milhões com segurança pública e os traficantes continuam ganhando milhões”, disse Catra, que em seguida foi rebatido por Mara. “O ser humano não precisa de drogas, Catra. O ser humano precisa de Deus”.

Durante o bate-papo com Mara, Catra admitiu para a apresentadora que era usuário de cocaína. “Uma vez me lembro que cheguei em casa e minha filha Júlia era pequenininha. Eu estava drogado e não conseguia encostar nela. Me deu uma angústia. Depois disso eu parei. Eu dormi ‘chapado’ e acordei careta. Eu me vi estranho, me vi feio”, desabafou o funkeiro.

Homossexualidade e traição
Outro assunto abordado durante o programa foi a homossexualidade. Conhecido por seus “proibidões” sem pudor e sua fama de mulherengo, o funkeiro deixou claro que não tem preconceito contra gays.

“Uma coisa é certa: todo homofóbico é ‘viado’. Eu respeito homossexual, mas eu odeio a pederastia, odeio a viadagem”, disse Catra, arrancando risos de Mara Maravilha.

Em seguida, Mr. Catra falou sobre sua relação com suas quatro mulheres. Questionado por Mara Maravilha se aceitaria ser traído, o funkeiro defendeu a ideia de que só o homem tem o direito de “pular a cerca”.

“Homem não trai, homem tem fraqueza. É diferente, Mara. Quando vocês querem (sexo) de verdade, vocês cercam e atacam o homem. Você acha que é fácil se controlar? Cada vez tem mais mulheres no mundo. Como é que a gente vai se segurar? A mulher pode ter 300 relacionamentos, mas ela só vai amar um homem. Já o homem consegue se apaixonar por mais de uma mulher ao mesmo tempo”, ironizou o funkeiro.

Exibido às terças-feiras na Band após o “MasterChef”, o programa “Bate & Volta" costuma colocar celebridades com perfis opostos para fazerem uma viagem sem destino definido em um carro de luxo. Sem apresentador, o formato privilegia as conversas entre os famosos, que, aparentemente, não têm qualquer tipo de censura.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo