TV e Famosos

Leonardo é o grande vencedor da terceira edição do "MasterChef Brasil"

Reprodução/Band
Leonardo Young comemora vitória da terceira edição do "MasterChef Brasil" Imagem: Reprodução/Band

Natália Guaratto

Do UOL, em São Paulo

24/08/2016 01h04

Leonardo Young foi o grande vencedor da terceira temporada do "MasterChef Brasil" na noite desta terça-feira (23). Após pouco mais de cinco meses de competição, ele levou a melhor entre os 21 participantes escolhidos nesta edição e superou Bruna Chaves na final.

Na prova decisiva, o empresário paulista de 30 anos mostrou habilidade ao preparar um carpaccio de vieira e rabanete, barriga de porco ao molho missô e ovos nevados com creme inglês de matchá.

Além do troféu de MasterChef, o cozinheiro levou de prêmio R$ 150 mil, um carro zero quilômetro, uma bolsa de estudos na escola Le Cordon Bleu Paris, um kit completo de panelas, facas e eletroportáteis e R$ 1 mil durante um ano para fazer compras no supermercado que patrocina o programa.

De acordo com dados prévios do Kantar Ibope, a final do "MasterChef" registrou 8 pontos de média, com pico de 9,5, deixando a Band na vice-liderança no horário. Cada ponto equivale a 69 mil domicílios na Grande São Paulo.

Logo no início do programa, Leonardo falou sobre os seus planos após a final. "Estou focado em novos projetos e pronto para abrir meu novo restaurante". Bruna também falou sobre o que vai fazer depois do reality show: "O próximo passo é me educar porque o que aprendi nessa cozinha é que eu não sei de nada. Vou fazer isso com unhas e dentes".

Reprodução/TV Band
Leonardo comemora com a família sua vitória no "MasterChef" Imagem: Reprodução/TV Band
Lobo solitário 

Leonardo Young teve uma trajetória irregular no “MasterChef”. Apesar de mostrar influência da culinária chinesa e se dar bem em provas individuais, nas tarefas em equipe ele quase sempre integrou o grupo perdedor. O participante enfrentou 14 provas de eliminação e teve alguns momentos difíceis na competição, como quando errou um Goulash austríaco, receita proposta por sua mãe, numa prova em que os participantes precisaram recriar pratos de família. 
 
Leo também sofreu com a exclusão dos outros participantes, que torciam para que ele fosse eliminado. Irmão de um chef de cozinha, foi acusado de não ser tão amador assim quanto os outros concorrentes. Por causa da trajetória solo, ele mesmo se apelidou de “lobo solitário”. 
 
Rainha da confeitaria 
 
Professora de educação infantil, a mineira Bruna Chaves se destacou desde as audições do “MasterChef” por executar boas sobremesas. Seus pratos se destacaram entre os melhores pelos chefs em dez ocasiões e ela ficou entre os piores apenas uma vez. Também foi Bruna quem eliminou a favorita da edição, Raquel. 
 
Apelidada por Jacquin de “perua”, Bruna chegou até a final fazendo alianças com colegas como Luriana, Paula e Fábio. Estrategista, ela foi acusada de ser falsa por alguns competidores.

Lágrimas e tretas: Qual é a receita do sucesso do Masterchef?

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo