TV e Famosos

Mulher acusa Michel Jackson de abuso sexual na infância

George Rose/Getty Images
Suposta vítima de Michael Jackson apresenta provas e diz que foi abusada pelo cantor dos 12 aos 15 anos Imagem: George Rose/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

26/10/2016 10h15

Uma suposta vítima de Michael Jackson se apresentou na Justiça alegando ter sido molestada pelo cantor, morto em 2009, quando tinha 12 anos de idade.

Ela, segundo informações do jornal britânico "Daily Mail", entrou com uma ação usando o nome Jane Doe e revelou uma coleção de bilhetes que afirma terem sido escritos pelo astro pop após o assédio sexual que diz ter sofrido.

Nas cartas, Jackson supostamente diz que a ama e que está "louco" por ela. Os textos estão assinados com o nome Michael ou MJ.

"Eu te amo tanto que você está me fazendo me apaixonar ainda mais, tanto quanto eu converso com você. Estou louco por você. Com todo meu amor, Michael", diz um dos trechos.

Em outro bilhete, o cantor teria implorado a sua vítima que fizesse uma visita a ele: "Por favor, venha me ver. Seu pai e sua mãe são legais. Tchau. Eu te amo muito. M.J".

Jane Doe diz que sua família recebeu uma quantia de mais de US$ 900 mil, durante três anos, que teria sido enviada pelo cantor de Billy Jean para que ela se mantivesse em silêncio. Ela, que atualmente está na faixa dos 40 anos, diz que começou a ser abusada por Michael Jackson em 1986 quando visitou com sua mãe, enquanto turistas, a mansão do astro em Hayvenhurst. 

A suposta vítima alega, segundo o site TMZ, especializado em celebridades, que foi levada pelo cantor para conhecer a "área de doces" da casa. Uma vez lá, ele teria acariciado as genitais dela, a beijado na boca e em seu corpo. 

Ela ainda diz que o abuso sexual teria continuado até que ela completasse 15 anos, quando então teria começado e enviar dinheiro. Ele teria dado a ela inicialmente US$ 2.500. Depois, em 1993, a quantia teria aumentado para US$ 600 mil. Em três anos, Jane Doe afirma ter recebido mais de US$ 900 mil. Ela anexou extratos no processo que provariam o dinheiro que diz ter recebido diretamente de Michael Jackson. 
 
A mulher entrou com processo alegando danos emocionais e negeligência. Seu adogado explicado que o cantor pode tê-la confundido em um primeiro momento com um menino. Ela é a primeira mulher que acusa o cantor de abuso sexual. Outras acusações semelhantes haviam sido feitas por homens. 
 
"Ela parecia um menino, por isso não sabemos se ele pensou, no começo, que ela era ou não um menino", explicou o advogado Vince Finaldi ao canal ABC. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo