PUBLICIDADE
Topo

Televisão

Repórter da Globo chora a perda de amigo em tragédia na Colômbia

Ari Peixoto não segura a emoção e chora a perda de Guilherme Marques, companheiro de emissora, durante o "Jornal Hoje" - Reprodução/TV Globo
Ari Peixoto não segura a emoção e chora a perda de Guilherme Marques, companheiro de emissora, durante o "Jornal Hoje" Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

01/12/2016 13h43

Considerado um dos repórteres mais experientes da TV Globo, Ari Peixoto não segurou a emoção e chorou a perda do companheiro de emissora Guilherme Marques, ocorrida no acidente com o avião que levava também a equipe da Chapecoense na sua primeira final internacional, em Medellín, na Colômbia, na terça-feira (28). Guilherme tinha 28 anos (completados na semana passada) e era repórter da Globo desde 2013.

"A gente tem uma outra informação, que os próximos três corpos a saírem daqui, dois são de brasileiros e o outro é de um paraguaio, e um desses dois brasileiros, eu não queria dizer isso, mas é do nosso colega, do Guilherme Marques.. [pausa], me desculpa [choro]", disse ele cabisbaixo, ao vivo, durante o "Jornal Hoje", nesta quinta-feira (1).

Guilherme Marques - Reprodução/TV Globo - Reprodução/TV Globo
Guilherme morreu em acidente na Colômbia
Imagem: Reprodução/TV Globo
Nesse momento, a imagem voltou para a Redação, em São Paulo, e Evaristo então respondeu. "Imagina, Ari, não precisa pedir desculpas por isso. A gente entende essa emoção, é a mesma emoção de todos nós, funcionários da TV Globo, que perdemos um colega." (Assista ao vídeo abaixo)

Um acidente com o avião que transportava a equipe da Chapecoense deixou 71 mortos na terça-feira, na Colômbia. Seis pessoas sobreviveram à tragédia, entre eles os jogadores Alan Ruschel, Follmann e Neto e o jornalista Rafael Henzel.

Além de Guilherme Marques, outros 20 profissionais de imprensa (produtores, cinegrafistas, repórteres, narradores e comentaristas), de vários veículos, (como Globo, FOX Sports e RBS TV) também morreram no acidente.

Repercussão

Nas redes sociais, muitos internautas também se emocionaram com o choro de Ari Peixoto, levando, inclusive, o nome do repórter a ser um dos principais assuntos no Twitter.

"Ari Peixoto chorando no Jornal Hoje é a prova de que qualquer jornalista pode sim se abalar com uma notícia. É humano..", avaliou um internauta. "Foi de partir o coração ver Ari Peixoto chorando ao vivo no Jornal Hoje", disse outro. "Algumas notícias doem. Quando vi o Ari Peixoto chorando me deu uma dor no coração. É triste ter que noticiar a morte de alguém", afirmou um terceiro seguidor.

Televisão