Televisão

Google anuncia lançamento de TV via streaming nos Estados Unidos

Julie Jacobson/AP
O Google anunciou nesta terça-feira (28)_o lançamento de TV via streaming, o YouTube TV Imagem: Julie Jacobson/AP

Do UOL, em São Paulo*

28/02/2017 19h22

O Google anunciou nesta terça-feira (28) o lançamento de sua TV via streaming, o YouTube TV, que deve bater de frente com tradicionais operadoras de TV por Assinatura, como a DirecTV, e também plataformas semelhantes, como o Hulu, Apple TV e Netflix. O anúncio aconteceu em um evento promovido pela empresa, em Los Angeles, na Califórnia.

De acordo com informações do jornal Washington Post, o serviço irá disponibilizar o sinal de canais abertos e de assinatura, tanto para quem quer acompanhar a programação ao vivo ou sob demanda, a um custo mensal de US$ 35.

A ideia é permitir o acesso com até seis perfis diferentes. O serviço também não precisará de contrato ou compromisso a longo prazo.

A princípio, o YouTube TV estará disponível apenas para os Estados Unidos, a partir do segundo semestre, e terá as quatro principais redes americanas, como ABC, CBS, FOX e NBC, além de canais esportivos, como ESPN, e de entretenimento, como Syfy e Disney Channel. O tradicional canal de notícias CNN não aparece na lista. Não há previsão para o lançamento em outros países.

O YouTube TV tem uma interface básica que permite que o usuário mude com facilidade da programação ao vivo para os conteúdos gravados ou baseados em recomendações.

A executiva-chefe do YouTube, Susan Wojcicki, disse que não há dúvida de que os "millenials", a geração nascida a partir dos anos 1980, é encantada com a televisão. No entanto, ela destacou que os jovens não querem apenas assistir aos conteúdos na sala de estar, mas sim "como queiram, onde queiram e quando queiram".

O YouTube TV, disse Wojcicki, surge como resultado das três fases vividas pela televisão: o sucesso da TV a cabo, o surgimento dos vídeos online e a popularização dos smartphones, equipamento que levou a televisão para o bolso das pessoas.

O diretor de produtos do YouTube, Neal Mohan, disse que o YouTube TV é uma oportunidade de reinventar como a televisão funciona.
Segundo uma pesquisa divulgada pelo jornal Wall Street Journal, usuários do YouTube chegam a ficar mais de 1 bilhão de horas por dia assistindo a vídeos que são publicados no site.

*Com informações da agência EFE, em Los Angeles

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
do UOL
TV e Famosos
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
do UOL
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Ricardo Feltrin
Blog do Maurício Stycer
TV e Famosos
TV e Famosos
do UOL
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
TV e Famosos
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Topo