Novo Mundo

Atriz que faz indígena em "Novo Mundo" fala sobre topless e tanga em cenas

Cesar Alves/TV Globo
Giullia Buscacio é Jacira em "Novo Mundo" Imagem: Cesar Alves/TV Globo

Giselle de Almeida

Do UOL, no Rio

04/04/2017 04h00

Cada um com os seus problemas: se Rodrigo Simas sofre com as roupas pesadas de Piatã, um índio brasileiro criado como branco na Europa, em "Novo Mundo", Giullia Buscacio passa pelo oposto. Para convencer como Jacira, a atriz grava usando apenas uma tanga. Mas ela jura que não se sente desconfortável com o (quase ausente) figurino.

"Gravo só com lib [adesivo] e o cabelo tampando os seios. No início, foi uma coisa nova. Depois vi que era o universo dela, e isso não me atrapalha, não pode atrapalhar. É como eles viviam. Estou me sentindo, na verdade, à vontade", explica a atriz, que demorou dois dias para ganhar o cabelão da "índia empoderada" que se encanta por Joaquim (Chay Suede).

Assim como os colegas do núcleo indígena da novela das 18h, Giullia passou alguns dias convivendo com membros da aldeia Parkatêjê, em Marabá, no Pará, no ano passado. 

"Foi muito especial ver a união dessa aldeia, essa coisa do respeito. Fiquei muito impressionada com as pinturas, os adereços. Tudo para eles tem valor. É um povo que luta muito, eu fico muito feliz de estar representando, de forma respeitosa, esse povo muito sincero", afirma a jovem.

O contato com a natureza foi intenso, desde a vizinhança com macacos até os banhos de rio. Mas no almoço especial oferecido pelos anfitriões ao grupo - que tinha ainda Chay Suede, Jurema Reis e Allan Souza Lima -, a atriz preferiu declinar do prato principal: jabuti. "É que eu não como carne. Mas comi mandioca", conta ela, aos risos.

Já Rodrigo Simas não se fez de rogado. "Pior que eu gostei! Fiquei meio receoso... Quem comeu muito foi o Allan, que faz o cacique. Eu e o Chay. Não é muito ruim, não. Parece carne de porco. Deu nervoso foi de ver as das patas ali no meio", recorda ele.

Maurício Fidalgo/TV Globo
Rodrigo Simas é Piatã em "Novo Mundo" Imagem: Maurício Fidalgo/TV Globo

Batizado indígena

Para Rodrigo, a experiência serviu para criar memórias que servem de referência para Piatã, irmão de criação de Anna (Isabelle Drummond). E ali ele aprendeu a quebrar alguns estereótipos. 

"Essa aldeia não é muito distante da cidade, eles têm uma relação com a tecnologia... Achei que fosse encontrar outra coisa. No segundo dia a gente já estava vivendo aquele mundo. Fomos batizados por eles, ganhamos um nome indígena, foi muito emocionante. É um nome difícil, não lembro", diz.

O ator, que voltou a ter os cabelos cortados em formato de "cuia", como quando era criança, também teve aulas de prosódia, lutas com espada e etiqueta, entre outras, na fase de preparação. Mas teve que contar com a intuição na hora de construir o principal dilema do personagem: a busca por sua identidade. 

"Coitado, ele leva uma rasteira. Piatã acha que vai chegar e se encontrar, estar pleno de novo, porque ele não se sente índio nem branco. Ele não tem pátria, está em busca disso. É muito intenso. Muitas pessoas vivem isso quando são adotadas, querem saber a própria origem. Deve ser angustiante", analisa.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Resumo dos capítulos

Diara afirma a Ferdinando que voltará a ser livre

Leopoldina implora para Bonifácio não abandonar seu cargo. Wolfgang conta a Egídio todos os crimes de Greta e ela é presa. Anna tem um pesadelo com Thomas. Diara volta para casa. Cosette elogia Licurgo e Germana se enfurece. Sebastião invade a escola de Anna. Diara afirma a Ferdinando que voltará a ser livre. Chalaça cobra de Sebastião as dívidas que tem com o governo. Germana flagra Cosette agarrando Licurgo e se vinga da atriz durante o espetáculo. Anna tem um mau pressentimento e Piatã se preocupa. Thomas deixa a igreja e se apressa para voltar à cidade.

TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
UOL Entretenimento
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Topo