Topo

TV e Famosos

Gravar prisão de Rubinho foi humilhante, diz Emílio Dantas

Estevam Avellar/TV Globo
Rubinho (Emílio Dantas) é preso em "A Força do Querer" Imagem: Estevam Avellar/TV Globo

Do UOL, no Rio

01/06/2017 13h33

O cerco está se fechando contra Rubinho (Emílio Dantas) em "A Força do Querer". O marido de Bibi (Juliana Paes) vai preso no capítulo da próxima segunda-feira (5).

Ao dar de cara com Jeiza (Paolla Oliveira) na gafieira, durante a festa de aniversário da mulher, ele foge e pede informações sobre a major para um de seus comparsas.

Rubinho é preso em casa, para desespero de Bibi, que é tranquilizada por Heleninha (Totia Meireles) e Leila (Lucy Ramos). A sequência foi gravada no bairro da Tijuca, no Rio.

"Foi pesado. Fazer a cena pela primeira vez foi muito humilhante. Onde quer que você olhe tem um vizinho, teu filho, tua mulher... Algema é uma coisa que realmente te tira um poder. Estava fazendo uma cena no camburão e quis falar com o diretor, mas não tinha como. Eu comecei a berrar pelo vidro, não conseguia bater. É uma sensação de impotência muito grande", lembra Emílio Dantas.

Segundo Juliana Paes, toda a equipe cercou o ator João Bravo, que interpreta Dedé, de cuidados.

"Gravamos toda a sequência sem ele ver nada. Depois ele gravou sozinho, só o ponto de vista dele, sem ver gritaria, choradeira, camburão. Na história, ainda não sei como vai estar inserido nisso, mas quem vai segurar a barra é a avó", conta.

Na delegacia, Rubinho é interrogado. A Dantas (Edson Celulari), ele nega que tenha cometido algum crime.

Já Bibi está convencida de que a culpada pela prisão do marido é Jeiza. A estudante de Direito chega a enfrentar a major, que pede a um policial que a contenha.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais TV e Famosos