Televisão

Primeiro a ganhar R$ 1 milhão de Silvio Santos na TV hoje tem fortuna

Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo

08/08/2017 04h00

Há vinte anos, Silvio Santos transformava uma paixão nacional em programa de televisão. Era o início do “Gol Show”, primeiro formato no qual o animador e dono do SBT entregou um prêmio no valor de R$ 1 milhão. Depois deste dia, o patrão fez a alegria de vários outros telespectadores, inclusive em seu famoso “Show do Milhão”, mas o primeiro sortudo foi Elizeu Tabosa Fernandes Filho, do Mato Grosso do Sul.

Ele não precisou pedir ajudar dos universitários, nem acertar os números da Tele Sena ou rodar a roleta da fortuna. Mas teve que ter sorte, muita sorte. Era só uma chance, que o então diretor financeiro do tesouro do Estado não deixou escapar. Ele gritou "gol", acertou o alvo e fez todo mundo em casa pular de alegria.

Arquivo pessoal
Elizeu Tabosa participou do "Gol Show" e ganhou R$ 1 milhão Imagem: Arquivo pessoal
Elizeu se lembra daquela noite de domingo como se fosse hoje. Era 1998, ano de estreia do Teleton, maratona beneficente que reúne artistas de emissoras concorrentes na TV aberta em prol de crianças assistidas pela AACD. O filho de Elizeu havia feito uma doação pelo telefone em seu nome e por isso ele concorria a uma promoção para participar daquela edição especial do “Gol Show”.

Após voltar da missa, o diretor financeiro assistiu aos apelos de Silvio Santos para atingir a meta do Teleton, desligou a TV e, enquanto se preparava para ir dormir, foi surpreendido por gritos da filha que dizia estar com o animador do SBT do outro lado da linha. É claro que ele não acreditou.

“Todo mundo foi dormir e minha filha foi terminar uma tese da faculdade. De repente, ela gritou: ‘Pai, o Silvio Santos quer falar com o senhor’. Eu pensei: ‘Deve ser um compadre meu... Deve ter bebido demais. É gozação desse pessoal’. Mas era da produção e me disseram que eu tinha sido sorteado para participar do ‘Gol Show’”, conta.

Arquivo pessoal
Elizeu Tabosa e a mulher: eles comemoraram a vitória no "Gol Show" em 1998 Imagem: Arquivo pessoal

Amuleto guardado a 7 chaves

A família inteira acordou de sobressalto para torcer com Elizeu Tabosa, que tinha dez segundos para fazer disparar o canhão do programa com seu grito de gol. O diretor financeiro precisava acertar o ângulo para ficar milionário, mas ele só pensava mesmo era em vencer a defesa de Edinho, filho de Pelé, que naquele dia era o goleiro do programa, e ver as redes balançarem.

“Eu pensei, vou disparar esse canhão quando estiver faltando três segundos. E fiquei contando. Minha família ficou falando: ‘Rápido, vai, vai, vai’. Eu falei gol, a bola voou e entrou lá no alvo. O Silvio disse, ‘Ganhou R$ 1 milhão’, mas eu falei comigo mesmo: ‘Que milhão?’. Depois que eu fui entender”, diz ele, que não sabia da possibilidade de faturar o maior prêmio da noite e esperava ganhar o carro zero km. 

Elizeu não dormiu mais naquela noite, tamanha foi a festa e entra e sai de vizinhos em sua casa. Dias depois, ele viajou a São Paulo para receber a bolada das mãos de Silvio Santos -em dados atualizados pela inflação oficial do IPCA, de acordo com o Banco Central, o prêmio hoje equivaleria hoje a pouco mais de R$ 3,3 milhões. 

Arquivo pessoal
Elizeu brinca que é como o tio Patinhas: ele também tem a sua moeda número 1 que guarda em um cofre Imagem: Arquivo pessoal
“Ele me deu um cheque R$ 999.999,00 e uma moeda para completar. Essa moeda eu guardo como amuleto. O tio Patinhas não tinha a moeda número 1? Eu também tenho. Guardo ela num cofre, mas ainda vou colocar num quadro”, afirma.

Ganhador virou rei do gado

O vencedor do “Gol Show” só tem a agradecer a Silvio Santos. Ele, que começou trabalhando como office boy e se formou em ciências contábeis, diz que tinha uma boa condição financeira, mas com o prêmio que conquistou no programa multiplicou consideravelmente seu patrimônio.

“Me ajudou muito! Eu já tinha uma casa grande e, graças a Deus, uma vida estabilizada. Mas comprei uma fazenda em Bandeirantes, no Mato Grosso do Sul, e passei a ser criador de gado de raça. Esse dinheiro rende até hoje para mim. Tenho várias casas e terrenos. Hoje meu patrimônio é de R$ 15 milhões”, orgulha-se. 

Além de ter engordado a conta bancária, o ex-funcionário público e agora empresário diz ser grato ao dono do Baú por ser abordado até hoje pelo prêmio de quase 20 anos atrás:  “Silvio sempre está nas minhas orações. Ele e a família toda.” Aos 63 anos, Elizeu sabe muito bem o que fazer em um futuro próximo: se aposentar e “aproveitar a vida”.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Ricardo Feltrin
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Ricardo Feltrin
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Ricardo Feltrin
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
TV e Famosos
TV e Famosos
UOL Entretenimento
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Topo