Famosos

Nua em ensaio, Juliana Paes diz que já temeu ficar rotulada como "gostosa"

Reprodução
Juliana Paes posa nua para o caderno "Ela", do jornal "O Globo" Imagem: Reprodução

Do UOL, no Rio

09/09/2017 09h13

Destaque absoluto do horário nobre, Juliana Paes se despiu da Bibi de "A Força do Querer" e posou como veio ao mundo para um ensaio para o caderno "Ela", do jornal "O Globo" deste sábado (9).

À publicação, a atriz comentou que encarava as fotos, feitas por Daniel Mattar, como um ato político.

"As mulheres posavam nuas para revistas masculinas. Fiz essas fotos para um jornal feminino, para outras mulheres. A minha geração titubeava diante da palavra feminismo. Isso acabou. Eu acredito na causa, reitero os valores do passado e me orgulho de ver minhas colegas batalhando por nós. Essas fotos dizem que o corpo é meu, ser empoderada é ter coragem", comenta Juliana, embaixadora da ONU Mulheres.

A atriz de 38 anos também já foi clicada para uma revista masculina - seu ensaio para a "Playboy" foi publicado em 2004, bem antes de atingir o status de protagonista e estrela que tem hoje.

"Quando fiz a 'Playboy', o momento na minha carreira era propício, a revista tinha prestígio. Claro que pensei que eu poderia ficar rotulada de gostosa, mas ao mesmo tempo confiava muito na minha capacidade de ir além. Quando os meus pais me apoiaram, eu topei. Fiz pela grana mesmo, comprei um apartamento para mim e outro para a minha mãe. Mas não acho que aquela tenha sido a minha fase mais bonita", diz.

Juliana, que será rainha da bateria da Grande Rio em 2018, diz que a beleza lhe abriu portas

"A genética me foi favorável, mas quando fiz a “Playboy” eu não malhava. Hoje, eu trabalho o meu corpo, tive os meus meninos, precisei correr atrás. A minha cabeça também está melhor. Posso não ter os seios naturais de antes, mas tenho domínio do meu corpo, o rosto mais relaxado, a maturidade é tudo", analisa.

A naturalidade com que encara a própria nudez, no entanto, não mudou, segundo Juliana

"Eu nunca tive pudor com o corpo. Sempre lidei com ele de uma maneira natural, é uma ferramenta do meu trabalho. Há um caminho enorme entre a minha intenção e o pensamento do outro. Mas não estou preocupada com o que vão pensar. No começo da carreira, sim, eu tive um pouco de medo porque poderiam querer me explorar. Tive que me colocar: há cenas em que a nudez faz sentido, em outras não faz. Então, aprendi a estabelecer os meus limites e a dizer não", lembra ela, que é casada com o empresário Carlos Eduardo Baptista e é mãe de Pedro, 6, e Antonio, 4.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
do UOL
do UOL
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
do UOL
TV e Famosos
TV e Famosos
Moda
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Topo