Topo

Televisão

Calça de repórter da Globonews que cobre passagem do furacão rasga ao vivo

Reprodução/Globonews
As repórteres Carolina Cimenti e Sandra Coutinho na cobertura da passagem do furacão Irma em Miami Imagem: Reprodução/Globonews

Do UOL, no Rio

10/09/2017 12h37

Mesmo em uma área de segurança, a repórter Carolina Cimenti passou por um sufoco durante a cobertura da passagem do furacão Irma pelos Estados Unidos. Ao vivo de Miami para a Globonews, a jornalista teve sua calça rasgada durante uma rajada de vento mais forte.

"Acho que o furacão acabou de estraçalhar a sua calça, Carol. E sem calça fica difícil, né?", brincou Sandra Coutinho, que também participa da cobertura e participava do link.

As duas passavam informações sobre a inundação da área de Key West.

"Ontem tinha rajada de vento, chuva forte, mas uma hora acalmava. Agora não. Ninguém consegue dormir, todo mundo fica preocupado: 'Será que o hotel vai resistir? E a gente pensa nas pessoas em Key West, que enfrentam uma situação bem mais difícil que a nossa", explicou Sandra.

Com a repercussão do imprevisto, a própria Carolina Cimenti comentou a situação no Twitter: "Calma, a gente vai arrumar a calça com fita isolante para os próximos vivos", disse ela, que contou ainda estar com outra calça por baixo. 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!