Topo

Famosos

Após câncer, Biaggi faz terapia com ajuda de robô: "Nova maneira de andar"

Reprodução/TV Globo
Marco Antonio de Biaggi Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

03/10/2017 09h53

O cabeleireiro Marco Antonio de Biaggi, que enfrentou um câncer, disse ter chegado à beira da morte durante entrevista para Ana Maria Braga no "Mais Você" desta terça-feira (3).

Reprodução/TV Globo
Marco Antonio de Biaggi faz terapia robótica para reaprender movimentos e assim conseguir caminhar Imagem: Reprodução/TV Globo
Ele contou que hoje faz terapia robótica para reaprender a caminhar. "Ele [o aparelho] manda insight para o meu cérebro aprender uma nova maneira de andar", disse. "Uso minha força e a dele para reaprender a caminhar"", falou.

Biaggi relatou que a doença surgiu quando ele estava no auge do sucesso. E relembrou a infância difícil:

"Eu, um garoto pobre, tinha uma certeza que eu ia dar certo na vida. Pedi para o Deus que queria ter uma vida de sucesso. Queria ser o número um e dar uma vida melhor para os meus pais. Eu cheguei no topo. Era no topo mesmo. Mil capas de revista, documentário da BBC de Londres sobre a minha vida... Mas eu só trabalhava".

O cabeleireiro disse que passou a valorizar pequenos prazeres do dia a dia: "Eu esqueci [antes da doença] a beleza da vida, que era sentar com a família aos domingos", completou.

Há três meses, Biagi voltou a trabalhar em seu salão em São Paulo: "São 5, 6 clientes por dia. Eu relutava porque queria muito voltar bem. Imagina, eu que trabalho com beleza... Eu sou vaidoso". 

Em 2015, Biaggi descobriu um linfoma e submeteu-se a seis sessões de quimioterapia para tratar o tumor. Ele começou a perder os cabelos quando decidiu raspar tudo de uma vez e exibiu o visual careca em selfies com seus clientes famosos em seu salão de beleza. Ele chegou a perder mais de 30 quilos durante o processo. Na ocasião, um dos médicos falou em apenas 5% de chances de sobreviver. 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!