Famosos

Apresentadora ainda guarda 1º gesso de filha que superou 10 cirurgias

Reprodução/YouTube/lucianaliviero
Adriana Araújo ao lado da filha, Giovana, que superou 10 cirurgias em 15 anos Imagem: Reprodução/YouTube/lucianaliviero

Do UOL, em São Paulo

10/10/2017 21h50

Âncora do "Jornal da Record", Adriana Araújo se emocionou ao falar sobre a filha que superou 10 cirurgias em 15 anos. Giovana nasceu com hemimelia fibular, uma síndrome ortopédica, e por isso precisou recorrer a tantos procedimentos cirúrgicos. Em 2013, a menina chegou a ficar 9 meses em uma cadeira de rodas.

Em entrevista ao canal da jornalista Luciana Liviero, no YouTube, Adriana abriu o seu baú e revelou que ainda guarda de lembrança o primeiro gesso da filha como símbolo de uma vitória árdua.

Reprodução/YouTube/lucianaliviero
Adriana Araújo ainda guarda 1º gesso da filha Imagem: Reprodução/YouTube/lucianaliviero
"Uma coisa que vou guardar para o resto da minha vida, que é isso daqui, o primeiro gesso... da perninha da minha filha. Ela se mexendo, o gesso escapou e eu guardei no fundo do [meu] baú e do meu coração", disse a apresentadora. (Veja no vídeo abaixo, a partir do trecho 19")

"[No início] foi bem difícil receber a notícia que eu teria um bebê com uma diferença física, passei por momentos de aflição, de apreensão, mas eu recebi do universo de Deus uma dádiva, um presente maravilhoso que é minha filha", afirmou ela, com os olhos cheios de lágrima. "Ela precisou de 10 cirurgias para hoje poder andar, correr, dançar, pular, ser uma menina independente", comemorou ela, orgulhosa.

Contrariando o diagnóstico de um dos médicos, Adriana Araújo não permitiu que amputassem o pé da filha na época. "Eu perguntei para ela recentemente 'se ela achava que eu tomei a decisão certa quando eu decidi não amputar'. Ela respondeu que 'eu sou muito feliz por você ter escolhido salvar a minha vida'", relembrou a jornalista.

Aos 20 anos, Giovana agora tem uma vida normal e está fazendo cursinho pré-vestibular para Medicina.

Nascida em Itabirito (MG), Adriana Araújo começou a trabalhar na televisão pela Globo Minas. No início dos anos 2000, foi transferida para a sucursal de Brasília. Em 2006, Adriana foi contratada pela Record, em São Paulo, e, três anos depois, deixou a bancada para ser correspondente da emissora em Nova York. Voltou ao Brasil em março de 2013, quando Giovana faria a sua última cirurgia.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Reuters
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
do UOL
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
do UOL
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Topo