Famosos

Gentili perde para Trajano na Justiça após crítica a "apologia ao estupro"

Divulgação
Danilo Gentili em cena de "Como Se Tornar o Pior Aluno da Escola" Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

11/10/2017 15h51

Danilo Gentili perdeu pela segunda vez para José Trajano na Justiça. A 2ª Turma do Colégio Recursal Central do Colégio Recursal Central de São Paulo rejeitou a queixa-crime do humorista contra a crítica do jornalista, que reclamou que a ESPN, emissora onde trabalhava, havia aberto espaço a "um sujeito que faz apologia do estupro em nome do humor".

Gentili processou Trajano pelos crimes de injúria e difamação, mas perdeu a causa em 29 de junho e entrou com recurso. A queixa-crime por crime contra a honra apresentada pela defesa do humorista foi negada pela Justiça em 2 de outubro.

Trajano comemorou a vitória judicial no Twitter: "Trajano 2x0 Gentili! Placar final. Agora não cabe mais apelação. Queixa-crime rejeitada". Segundo o TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo), cabe à defesa de Gentili apenas o Recurso Extraordinário, para o STF (Supremo Tribunal Federal)

A juíza Flávia Poyares Miranda, relatora da decisão, considerou que "inexistindo o dolo específico [...], não há que falar em crime de injúria ou difamação".

O apresentador do SBT participou do "Bate-Bola Debate" em 24 de maio de 2016. Três dias depois, no "Linha de Passe", Trajano se solidarizou com as vítimas de estupro no Brasil (naquele mês, uma adolescente de 16 anos havia sofrido coletivo no Rio de Janeiro) e criticou o espaço dado pelo canal pago ao humorista, sem citar o nome de Gentili.

"Porque o canal abrigou esta semana um personagem engraçadinho, que se porta como um sujeito que faz apologia do estupro. Em nome do humor, dizendo que no humor cabe tudo. Esse grupo ficou enojado com a presença dele", desabafou Trajano, que foi demitido pela ESPN em 30 de setembro.

Na primeira decisão, em junho, o júri entendeu que Trajano "tinha e tem o direito de crítica quanto à atuação artística (humorística) do querelante [Gentili], ainda que dura seja a crítica feita".

A defesa de Trajano usou exemplos como o tweet de Gentili sobre o caso de estupro no "BBB12": "O cara esperou uma gostosa ficar bêbada para transar com ela. Todos sabemos o nome que se dá para um cara desse: Gênio".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Topo