Topo

Televisão

Isadora Ribeiro diz que se queimou em gravação de abertura: "Angustiante"

Colaboração para o UOL

17/10/2017 08h24

Isadora Ribeiro falou sobre o início da carreira no "Superpop" de segunda-feira (16). A atriz, que começou a ficar conhecida ao aparecer na abertura do "Fantástico", revelou uma passagem inusitada das gravações.

"Foi muito angustiante. Eu tinha que ficar quietinha, abaixadinha dentro da piscina até a água ficar espelho [parada]. Durante umas duas semanas foi a mesma coisa. Depois de um tempo falei que a água estava muito gelada e pedi para colocarem uma resistência. Acabei me queimando, encostei o braço na resistência", recorda.

Ela contou como foi a seleção. "Eu fazia muita capa [de revista], editorial como modelo em São Paulo. Estavam procurando uma modelo que tivesse uma mistura de raças e soubesse dançar. Como tenho uma mistura de negro, índio e branco, o Boni [diretor da Globo] me escolheu entre muitas mulheres. O Hans [Donner] fazia a primeira escolha, uma triagem, mas a palavra final era do Boni".

Isadora também pode ser vista nua na abertura de "Tieta" (1989), reexibida no Canal Viva. "Foi um marco. Teve polêmica, achavam que eu tinha silicone. Eu estava deitada e o peito estava em pé. Mas é que eles inverteram a câmera, eu estava em pé com o braço para cima. Não tenho silicone até hoje. Tenho medo, acho estranho. Admiro quem coloca, mas não é para mim".

A atriz diz o que fez com o dinheiro do ensaio nu para a "Playboy", que lhe rendeu problemas em casa. "Comprei uma cobertura no Leblon. Pequena, mas era uma cobertura. Meu pai ficou um ano sem falar comigo. Era uma família tradicionalista, conservadora. Eu não falei para ele nem pedi, ele viu. Mas não ia adiantar ele dizer que não. Daí eu ligava e ele não atendia, ou desligava na minha cara", relembra.

Apesar de afastada da TV, afirma não guardar rancores. "Não tenho mágoa de ninguém, trabalhei com grandes autores. Não importa ter papel na novela da 8, eu quero trabalhar, não importa onde".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!