Topo

Televisão

Cynthia Benini relembra "jornal das pernas": "Há coisas mais bizarras hoje"

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

22/11/2017 04h00

Longe da bancada de telejornais desde 2015, após 15 anos no SBT, Cynthia Benini disse não se arrepender de ter apresentado o “Jornal do SBT”, programa noticioso que ficou conhecido pelo apelido jocoso de "jornal das pernas", no início dos anos 2000, por mostrar as duas apresentadoras com pernas à mostra.

"O telejornal ficou estigmatizado, com a imagem de que as duas cruzavam as pernas [para alavancar a audiência], mas isso realmente não acontecia", argumenta. "Não me arrependo nem um pouco de ter feito, pelo contrário. [Hoje] existem coisas na televisão, de forma geral, muito mais bizarras do que isso", criticou a jornalista, sem citar nomes, ao UOL.

No ar no reality show "Duelo de Salões", exibido pela Record News, a jornalista, à época, tinha acabado de participar de um reality, "A Casa dos Artistas", quando foi contratada para um novo projeto no jornalismo na emissora de Silvio Santos. 

O noticiário, inicialmente chamado "Jornal do SBT" ganhou outra versão depois, o "Notícias Breves", mas se tornou popular pelo nome de “jornal das pernas” porque as duas apresentadoras -- Benini e Analice Nicolau-- sentavam em uma bancada com vidro transparente, vestidas com saias curtas. As moças bonitas chamavam mais atenção do que a própria notícia, o que levou a uma enxurrada de críticas.

Cynthia diz ter se divertido com as brincadeiras feitas por programas humorísticos, na época, e garante não ter se chateado com os apelidos. "Imagina, nós ríamos disso tudo". Questionada se o programa seria apresentado nos tempos atuais, ela acredita que "muito mais facilmente."

Após várias mudanças --de horário e de nome--, o "jornal das pernas" foi "enterrado" definitivamente dois anos depois do seu lançamento.

Reprodução/Instagram/cinthiabeninioficial
Cynthia Benini exibe corpão saradão em praia, no litoral paulista Imagem: Reprodução/Instagram/cinthiabeninioficial
Com o fim, a apresentadora foi reaproveitada em novos projetos --assim como Analice Nicolau. Deixou a emissora em 2015, pouco antes de Silvio Santos provocar mais uma de suas reviravoltas no departamento de jornalismo da emissora, com a aposta em um garoto de 18 anos, Dudu Camargo.

Sobre o assunto, a profissional é cautelosa, evita fazer críticas, diz não conhecer o seu trabalho, mas dá pistas do que acredita ter levado o antigo patrão a apostar no jovem apresentador. "Vivemos num mundo em que, no momento, likes e seguidores acabam pesando muito mais do que a carreira em que as pessoas constroem no decorrer da vida."

Musa fitness?

Aos 44 anos, Cynthia Benini tem exibido pelas redes sociais uma saúde de dar inveja: barriga trincada e disposição como poucos. Ex-modelo e atriz, a apresentadora diz que a rotina saudável sempre fez parte de sua vida. 

"Sempre gostei de esportes, de malhar. Se não tivesse sido da televisão, certamente eu teria sido atleta. Mas acho que, aos 40 anos, eu estou bem, né? Eu não tomo nenhum tipo de suplemento que me ajude a ficar assim, isso tudo é o resultado da alimentação e da malhação, não bebo e não fumo. Eu tenho uma vida mais tranquila", afirma.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!