Topo

Comic Con Experience

Inspirada por "GoT", Marquezine chora ao ver cenas de "Deus Salve o Rei"

Mariana Pekin/UOL
Marina Ruy Barbosa e Bruna Marquezine, protagonistas de "Deus Salve o Rei" Imagem: Mariana Pekin/UOL

Paulo Pacheco

Do UOL, em São Paulo

08/12/2017 15h14

Bruna Marquezine chorou ao ver as primeiras imagens de "Deus Salve o Rei", exibidas nesta sexta-feira (8) na CCXP 2017 (Comic Con Experience), na São Paulo Expo. A atriz não conteve a emoção e foi às lágrimas ao entrar no auditório caracterizada de princesa Catarina, sua personagem na próxima novela das sete da Globo, que estreia em 9 de janeiro.

Thiago Duran/AgNews
Bruna Marquezine se emociona ao chegar à CCXP Imagem: Thiago Duran/AgNews
"É a primeira vez que eu vejo esse clipe, estava ali atrás emocionadíssima. É inédito mesmo, acho que é a primeira vez que a gente faz um trabalho desse. Tenho muito orgulho desse projeto", disse Bruna antes de falar sobre sua personagem.

Marquezine disse que usou "Game of Thrones", uma de suas séries favoritas, para se preparar para a novela medieval. "Eu sou apaixonada por 'Game of Thrones', usei muito da série porque eu assistia, era mais uma desculpa, um trabalho".

Muito aplaudida, Marina Ruy Barbosa também contou que pegou referências de "GoT" para interpretar Amália, sua mocinha em "Deus Salve o Rei". "Assisti a 'Game of Thrones' e 'Vikings', sou completamente viciada. Eu amo a rainha dos dragões".

Vestida como Lucrécia, Tatá Werneck brincou com os chifres de seu visual e recebeu um pedido de casamento de uma fã da plateia. "Tatá, casa comigo?", perguntou a moça. Tatá respondeu na lata: "Sim!". A atriz contou que também assistiu a "Orphan Black" para buscar referências para sua personagem.

Mariana Pekin/UOL
Imagem: Mariana Pekin/UOL

Mariana Pekin/UOL
Marina Ruy Barbosa e Bruna Marquezine acenam para a plateia na apresentação de "Deus Salve o Rei" na CCXP Imagem: Mariana Pekin/UOL
Diretor de "Deus Salve o Rei", Fabricio Mamberti também admitiu que "Game of Thrones" e "Vikings" foram inspirações para a trama, mas minimizou as referências e afirmou que o elenco passou duas semanas sem assistir a nenhuma série.

"A primeira coisa que a gente fez foi não ver referência nenhuma para encontrar o DNA desse grupo. Foram duas semanas de integração, sem olhar nada. Precisávamos de uma identificação do público com os conflitos desses personagens. Precisávamos alinhar todo o elenco, porque só assim esse universo se tornaria crível ao público", explicou o diretor.

Amauri Nehn/Brazil News
Marina Ruy Barbosa tira selfies com o público da CCXP Imagem: Amauri Nehn/Brazil News

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!