Topo

Famosos

Por "sustentabilidade", Geisy Arruda agora vende roupas usadas pela web

Do UOL, em São Paulo

30/01/2018 22h54

Agora empresária e dedicada ao mundo do empreendedorismo, Geisy Arruda revelou que está vendendo roupas usadas através da internet. Segundo a modelo, a ideia é repassar peças antigas a preços mais em conta, além de defender a "sustentabilidade".

"Os 'Desapegos da Geisy' são coisas que eu ganhei, que não servem, e aí eu vendo por um preço mais barato às minhas seguidoras", disse Geisy, em entrevista ao "TV Fama", da RedeTV!, nesta terça-feira (30). "Agora eu posso vender em qualquer lugar do mundo, porque a minha loja é on-line", comemorou ela, em seguida.

Ainda durante a entrevista, Geisy Arruda admitiu também que se vestia mal, de forma vulgar, mas que conseguiu encontrar o equilíbrio no seu estilo.

"Eu aprendi, na prática, que as pessoas acabam se inspirando em nós. Se eu visto algo, as pessoas querem comprar, querem saber o modelo. Se você pegar o meu estilo há oito anos e [o estilo de] agora, você vai tomar um susto. Eu melhorei muito. Eu me vestia mal, porque não tinha noção do meu corpo, era doidinha, 'perigueti' demais, até vulgar. Hoje eu consigo encontrar o equilíbrio no meu estilo diário. Então, com a minha experiência, eu quero ajudar outras pessoas também a se encontrarem", afirmou.

Geisy Arruda se tornou conhecida como a aluna que foi expulsa da Uniban, em São Bernardo do Campo (SP), em 2009, por usar um vestido curto. Geisy processou a Uniban, pediu R$ 1 milhão de indenização, mas entrou em acordo e embolsou R$ 60 mil.

Desde então, ela passou a ser presença constante em programas de TV e sites de celebridades, já participou do "Casseta e Planeta", de "A Fazenda", não sai do "TV Fama", lançou biografia, e estampou, por duas vezes, a capa da revista "Sexy".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!