Topo

Famosos

"Orgulhosa da mãe que me tornei" diz Rafa Brites no aniversário do filho

Ag.News
Rafa Brites brinca Com seu filho Roco em piscina de bolinhas Imagem: Ag.News

Colaboração para o UOL

02/02/2018 10h36

A repórter Rafa Brites fez uma grande reflexão nesta sexta-feira (2), dia em que Rocco, seu filho com o apresentador Felipe Andreoli, completa 1 ano.

"Há 1 ano eu aprendi que eu tenho uma força descomunal. Aprendi a respeitar a natureza e seu tempo perfeito ao ver uma gotinha de leite saindo de dentro de mim. Descobri que tenho uma audição tão apurada que escuto uma respiração mais profunda estando a muitos metros de distância. Eu achava que eu precisava dormir 8 ou ao menos 2 horas seguidas... Que nada. Aprendi a dar banho, trocar fralda, limpar um umbigo com sangue, contar os minutos por um arrotinho", listou ela.

Em outro momento, Rafa falou sobre todas as mudanças que encarou e como está feliz com isso.  "Esses dias passei pelo o espelho, e me vi com meninão encaixado no meu quadril, em uma mão eu tinha uma toalha, na outra fraldas, na outra brinquedinhos, na outra uma mamadeira e, com o dedão do pé já peguei a chupeta que estava no chão. Eu fiquei orgulhosa da mãe que eu me tornei. Nesse dia 2 de fevereiro ai da foto eu não poderia imaginar que eu voltaria a brincar igual criança no chão e que minha maior diversão da vida seria correr pela sala gritando o papai vai nos pegar. No momento estou aprendendo a levar um susto atras do outro com as quinas, tomadas, tombos... Calma, desenho e gelo. Aprendi mais essa. Nossa jornada como família esta só começando, eu vejo essas mães que os filhos já passaram o tamanho delas e penso em você e em tudo o que eu e seu pai ainda temos que aprender para te ensinar", concluiu. 
 

 

Ha 1 ano eu aprendí que eu tenho uma força descomunal. Aprendí a respeitar a natureza e seu tempo perfeito ao ver uma gotinha de leite saindo de dentro de mim. Descobri que tenho uma audição tão apurada que escuto uma respiração mais profunda estando a muitos metros de distância. Eu achava que eu precisava dormir 8 ou ao menos 2 horas seguidas...que nada. Aprendí a dar banho, trocar fralda, limpar um umbigo com sangue, contar os minutos por um arrotinho. Impressionante como as roupinhas foram ficando pequenas. Aquele sapatinho que parecia para uma criança de 4 anos ja não cabe no seu pé. Ah e o sapo não lava o pé ...eu só aguento a Mariana contar ate 3 e me pego no carro cantando sozinha :samba samba samba o lê lê. Eu adoro reclamar que você esta um grude, que eu não posso sumir do campo de visão que você chora... na verdade eu fico me achando o maximo. Esses dias passei pelo o espelho, e me ví com meninão encaixado no meu quadril, em uma mão eu tinha uma toalha, na outra fraldas, na outra brinquedinhos, na outra uma mamadeira e, com o dedão do pé ja peguei a chupeta que estava no chão. Eu fiquei orgulhosa da mãe que eu me tornei. Nesse dia 2 de fevereiro ai da foto eu não poderia imaginar que eu voltaria a brincar igual criança e que minha maior diversão da vida seria correr pela sala gritando o papai vai nos pegar... corre corre. No momento estou aprendendo a levar um susto atras do outro com as quinas, tomadas e tombos... calma, desenho e gelo. Aprendí mais essa. Nossa jornada como familia esta só começando, eu vejo essas mães que os filhos ja passaram o tamanho delas e penso em voce... em tudo o que eu e seu pai ainda temos que aprender para te ensinar. E assim sempre farei com todo amor que tenho em mim. Viva meu pico pico!

Uma publicação compartilhada por Rafa Brites (@rafabrites) em

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!