Topo

Reality shows

Primeira vencedora de "O Aprendiz" deixa grupo criado por Roberto Justus

Reprodução/Record
Vivianne Brafmann deixou grupo fundado por Roberto Justus; ela venceu "O Aprendiz" em 2004 Imagem: Reprodução/Record

Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo

08/03/2018 04h00

Vivianne Brafmann, que venceu a primeira edição do reality show "O Aprendiz", em 2004, se desligou do Grupo Newcomm de Comunicação após 12 anos de empresa. A informação foi confirmada ao UOL nesta quarta (7) pela assessoria do grupo fundado por Roberto Justus. 

"De comum acordo, nosso trabalho em conjunto com a Vivianne Brafmann se finaliza neste mês de março", disse a assessoria por mensagem. 

Folhapress
Roberto Justus e Vivianne Brafmann após a vitória dela em "O Aprendiz", em 2004 Imagem: Folhapress
Diretora de novos negócios da agência Young & Rubicam, braço do Grupo Newcomm, Vivianne foi elogiada como "uma profissional competente". A saída da ex-Aprendiz, segundo o texto, faz parte de mudanças internas: "Infelizmente, por conta de uma reestruturação da agência, chegamos juntos a essa conclusão".

Há uma semana, Vivianne mudou seu status profissional do Facebook anunciando sua saída da agência de publicidade e propaganda. A reportagem do UOL tentou falar com a ex-Aprendiz, mas não obteve retorno até o momento.

Vivianne venceu a primeira temporada de "O Aprendiz" e ganhou um contrato com a agência Wunderman, também do Grupo Newcomm, pelo salário anual de R$ 250 mil. Após um ano, o acordo foi renovado. Ela ainda participou, como conselheira, de "O Aprendiz 3" e, posteriormente, migrou com Justus para a Young & Rubicam.

Ao participar do bate-papo do UOL, em 2005, Vivianne falou sobre sua participação no reality: "A sensação daquela sala de reunião é muito ruim. Um frio no estômago, as mãos ficam suando... Temos que nos garantir, temos que ter feito um ótimo trabalho para estarmos seguros nesse momento".

Na conversa com internautas, ela comentou a comparação de Justus com Donald Trump, que apresentou o "Aprendiz" antes de se tornar presidente dos Estados Unidos. "Sempre assisti ao programa americano! A maior diferença, fora o emprego e o salário em 'dólares' (rsrsrs) acho que é o Roberto Justus. Ele para mim parece ser bem mais 'educado' do que o Trump!"

"O Aprendiz" - o retorno?

Em novembro do ano passado, Justus deixou o posto de chairman do Grupo Newcomm para se dedicar exclusivamente à carreira artística. Após oito edições de "O Aprendiz", que também teve duas temporadas comandadas pelo atual prefeito João Doria, ele apresentou duas edições de "A Fazenda" e duas do "Power Couple", na Record.

Fora do ar desde 2014, "O Aprendiz" pode voltar sob a condução de Justus. Segundo o colunista do UOL, Flávio Ricco, o apresentador e publicitário negocia a compra do formato que o popularizou na TV. O retorno, no entanto, ainda depende de um acerto de Justus com a Record, cujo contrato vence este ano, ou com outra emissora interessada.