Topo

Famosos

Ex de Britney Spears pede aumento de pensão para os filhos, diz site

Getty Images
Britney Spears e Kevin Federline durante a cerimônia do Grammy em fevereiro de 2006 Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

19/03/2018 10h26

Ex-marido de Britney Spears, o dançarino Kevin Federline quer que a cantora pague uma pensão maior de assistência aos filhos. De acordo com o site TMZ, ele recebia 20 mil dólares por mês e agora afirma que o valor já não é mais o suficiente.

O pai da princesinha do pop, Jamie, recebeu uma carta do advogado de Kevin na qual ele perguntava se os dois poderiam ter uma conversa.

A reunião de fato aconteceu e o advogado explicou que os filhos de Britney, Sean (12) e Jayden (11) estão mais velhos e que, por isso, o dançarino necessita de uma pensão maior.

O pai da cantora pressionou o ex-marido dela, questionando o que as crianças precisavam e que não estavam recebendo. O advogado de Kevin hesitou em responder, mas afirmou que seu cliente precisava de um aumento nos rendimentos para que os filhos fossem criados à altura do padrão de vida de Britney Spears.

Ainda segundo informações do TMZ, em todo tempo o advogado citava o sucesso atual de Britney -- ele chegou a exemplificar os ingressos esgotados do show da cantora em Las Vegas, Estados Unidos. Segundo o advogado, a cantora está ganhando mais dinheiro hoje em dia.

O pai da cantora rebateu ao afirmar que o sucesso da filha em nada tinha a ver com as necessidades das crianças. E também alegou que Britney não era responsável pelos outros filhos Kevin.

Ao assinar o divórcio de Kevin Federline, em 2007, Britney pagou uma fortuna a ele. A cantora depositou para o ex a quantia de 1,3 milhões de dólares, além de apoio financeiro por vários anos para a pensão dos filhos. Na época, a cantora perdeu a guarda dos filhos para Kevin Federline após ser acusada de má conduta ao volante. Eles foram casados por dois anos.