Topo

TV e Famosos

Dado Dolabella posta foto com a filha após prisão: "Tão bom estar de volta"

Reprodução/Instagram
Dado Dolabella e a filha Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL

09/04/2018 08h00

Depois de passar 60 dias preso por não pagar pensão alimentícia para um de seus filhos, Dado Dolabella foi solto na sexta-feira (6) em São Paulo. E na noite de domingo (8), ele usou sua conta no Instagram para desabafar e agradecer a mãe, a atriz Pepita Rodriguez.

'No fim, o amor que você leva é igual ao amor que você faz'.  Tão bom estar de volta. E meu amor por vocês, só aumentou.  Aquele vento que não derruba fortalece! Papai tá mais forte q nunca! Contem comigo! Sempre... Quero agradecer também toda energia boa que vocês me passaram!!! Por isso nunca me sinto sozinho! Amo vocês! Obrigado mãe, você é meu chão e minha asa!!! Não foi fácil... Sem vocês eu não conseguiria", escreveu ele, que na imagem aparece com a filha, Ana Flor. Ele ainda é pai de Eduardo e João.

O ator estava detido no 33º Distrito Policial de Pirituba, zona oeste de São Paulo por determinação da 1ª Vara da Família, da Barra da Tijuca, do Rio de Janeiro, desde o dia 6 de fevereiro por dever aproximadamente R$ 196 mil de pensão alimentícia ao filho, fruto de seu relacionamento com Fabiana Vasconcelos Neves.

Recentemente, Dado teve novo revés na Justiça. De acordo com a SSP-SP (Secretaria de Segurança Pública), existe um mandado de prisão em regime aberto, expedido pelo 3º Juizado de Violência Doméstica de Jacarepaguá, no Rio. 

O ator ficou em uma carceragem dedicada apenas a homens com problemas na Justiça por não pagarem pensão, dividindo espaço com outros 41 detidos.

Mesmo sendo solto, Dado pode ter a situação complicada caso ele continue a dever a pensão ao filho. De acordo com a advogada Priscila Corrêa da Fonseca, doutora pela Universidade de São Paulo (USP) ouvida pelo UOL, ele pode ter bens e a conta bancária penhorados. Se ainda assim a Justiça não conseguir sanar a dívida, uma nova prisão pode ser decretada. "Se ele não tem rendimento líquido, é autônomo, a solução é a prisão como forma de forçá-lo a pagar", afirmou a advogada.

Mais TV e Famosos