Topo

Famosos

Neymar assume erros e revela conselho de Messi para se soltar no futebol

Divulgação/TV Globo/Rogério Fernandes
Neymar participa do "Altas Horas" e diz que está progredindo na recuperação da cirurgia do pé. "Não sinto dor nenhuma" Imagem: Divulgação/TV Globo/Rogério Fernandes

Do UOL, no Rio

14/04/2018 23h06

Neymar foi uma das atrações do programa "Altas Horas", da TV Globo, o namorado da atriz Bruna Marquezine não fugiu da pergunta sobre o assédio e de ter as atenções voltadas para sua vida pessoal. Serginho também quis saber se o jogador não ficava chateado em ter que sempre se posicionar.

"Hoje, eu sei que, a partir do momento em que você alcança um patamar, tudo o que você faz, fala ou vira lei ou vira contra você. Então você tem que tomar muito cuidado com isso. Eu aprendi muito ao longo desses anos na minha carreira. Já errei diversas vezes. E eu não me arrependo de errar. Não é uma coisa que eu queira mudar. Porque foi com os meus erros que eu aprendi, eu cresci, eu amadureci. 

Divulgação/TVGlobo/Rogério Fernandes
Neymar e Serginho Groisman se divertiram nos bastidores da gravação do programa Imagem: Divulgação/TVGlobo/Rogério Fernandes

O jogador também falou da recuperação da cirurgia do pé direito por ter fraturado o quinto metatarso do pé direito no dia 25 de fevereiro, durante vitória por 3 a 0 sobre o Olympique de Marselha, pela 27ª rodada do Campeonato Francês, e desde então se recupera no Brasil. “Falta um mês para acabar, mas estou progredindo bem. Está tudo nos conformes: não sinto dor nenhuma e estou pisando pouco a pouco”, explicou o jogador.

Sobre esporte, ele ainda relembrou um episódio marcante que marcou uma boa fase no Barcelona. "Num momento do jogo, estava meio chorando, não tinha feito o primeiro tempo bom. Messi viu que estava triste, começou a conversar comigo: 'Você tem de ser você, joga seu futebol, não precisa ficar intimidado. Você fica um pouco retraído (de jogar com nomes famosos). Fica um pouco envergonhado. Depois que falou isso, comecei a me soltar, mostrar meu futebol, ter confiança."

Além de Messi, ele ainda falou de Cavani e um atrito que tiveram no PSG, na batida de um pênalti. “Se fala mais do que é, na verdade. Claro que a gente teve um certo atrito, mas resolvemos isso logo após. Três dias depois, a gente sentou e conversou. Somos dois grandes jogadores, mas também somos homens e tínhamos que resolver isso no pessoal, sem contar para ninguém. Mas as coisas aumentam, acho que porque o que vende é isso: as pessoas aumentarem as histórias, falarem coisas que não devem. E isso te tira do foco, tira a sua concentração.

Foi a segunda vez que Neymar participou do programa de Serginho Groisman. Além do atacante, participaram do "Altas Horas" deste sábado (14) como convidados o humorista Whindersson Nunes e o ex-jogador do Santos, Léo -- "ele me chamava de 'tio' no Santos", contou Léo. As atrações musicais foram: o cantor Wesley Safadão e o grupo Raça Negra.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!