Topo

Famosos

"Mais perto do que nunca", diz Mara Maravilha sobre adoção de seu filho

Samuel Chaves/Brazil News
Mara Maravilha Imagem: Samuel Chaves/Brazil News

Colaboração para o UOL

29/05/2018 10h37

Aos 50 anos, Mara Maravilha falou sobre o sonho de ser mãe em entrevista para o canal no YouTube do jornalista Marcelo Bonfá. No papo, ela disse que está com planos adiantados para adotar uma criança.

"Vou adotar, está mais perto do que nunca. É menino, vai se chamar Gabriel Junior. Eu e meu companheiro, o Gabriel (Torres, noivo dela), escolhemos (o nome)", contou ela, dizendo que agora é o momento certo para aumentar a família. "Agora eu estou preparada emocionalmente, financeiramente, em todos os sentidos. Vou conseguir, vou dar tempo, priorizar meu filho, a criação, os valores que são importantes".

Mara contou que a adoção surgiu após ela não conseguir engravidar. "Eu tentei engravidar, mas vai ser dessa forma. Fiz inseminação, não engravidei pelos métodos normais, mas tá tudo lindo, estou feliz, sou uma pessoa escolhida para viver isso", disse ela, contando como imagina que será a criação que dará para o garotinho. "Acho que não vou deixar ele ver muita televisão, vou ser mais exigente, seletiva. Não vou deixar comer tudo quanto é tipo de coisa. Ouvir qualquer tipo de música. Até onde puder fazer a escolha do melhor para ele eu vou fazer".

Após dar declarações polêmicas sobre gays, a apresentadora voltou a garantir que não é preconceituosa. "Já fui muito taxada de homofóbica, mas eu não sou. Amo as pessoas como elas são. Cada um dará conta das suas escolhas, sejam elas quais forem.  "E seu seu filho for gay?", quis saber o entrevistador. "Vou amar, respeitar. Um exemplo vou te dar: a minha mãe. Quase todos os namorados que eu tinha, quase nenhum era ideal para ela.Se for gay, quero que ela seja feliz, bem sucedido, saudável, bem resolvida", respondeu ela, atualmente no ar todas as tardes no "Fofocalizando", do SBT.

Sobre seus antigos relacionamentos, ela lembrou que já foi traída e perdoou. "Já fui traída. Tô no carro, quando olhei assim vi em cima da moto o Ricardo (seu ex-noivo) com a outra, a ex dele, que ele largou dela pra ficar comigo. Abri a janela, gritei, a moto sumiu. Fui para casa, ligava e nada dele atender. 15 minutos ele tava na porta de casa e eu dizendo para ele sumir. Acabei o noivado. Viajei e fui para Aruba. Quando voltei, arrumei outro namorado, mas terminei e voltei com o Ricardo. Mas não deu certo. Não era pra dar", contou.

Newsletters

Mauricio Stycer traz análises exclusivas sobre TV e Famosos.

Quero receber